CATEGORIA

Arquitetos e Urbanistas aprovam resoluções e moções de Conferência do CAU/SP

 

Terminou no dia 26/11 a etapa estadual da 2ª Conferência de Arquitetos e Urbanistas do CAU/SP, realizada na cidade São Paulo, nos dias 25 e 26/11, após 11 encontros regionais preparatórios que percorreram o Estado de São Paulo. Após uma parte de discussões, apresentação de propostas e votações, os participantes da 2ª Conferência aprovaram as resoluções e duas moções.

 

“O CAU é uma entidade ainda muito jovem, com apenas 4 anos de existência. No entanto, a qualidade das propostas apresentadas em nossa conferência e o interesse da categoria em contribuir para a melhoria das nossas atividades comprova o nosso amadurecimento profissional e também que estamos no caminho certo em discutir a profissão com nossos pares”, disse o presidente do CAU/SP, Gilberto Belleza.

 

Algumas das propostas apresentadas durante o evento tratam da Resolução Nº 51, que diz respeito as atribuições privativas dos arquitetos e urbanistas. “É imprescindível que se coloque um fim ao sombreamento para que apenas arquitetos e urbanistas executem o que é de sua atribuição”, diz Belleza. “Certamente que as propostas apresentadas nos ajudarão nesse processo e buscaremos uma solução para isso o quanto antes”, completa.

 

Outras propostas apresentadas contemplam questões relacionadas à importância do projeto executivo de uma obra ser feito exclusivamente por arquitetos e urbanistas, ao cumprimento da tabela de honorários, respeito ao Código de Ética do Conselho (em especial, o combate contra a prática ilegal de Reserva Técnica), melhoria da qualidade dos cursos de graduação e também de educação continuada.

 

Publicado em 02/12/2015. Fonte: CAU/SP

MAIS SOBRE: CATEGORIA

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

ACERVOS

Seminário TOPOS:  CAU/BR e FAU/UnB promovem debate sobre a importância de acervos e arquivos de urbanismo no país 

#MulherEspecialCAU

“Arquiteta, na solidão da sua profissão, seu nome pede valorização!”, defende Tainã Dorea

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

Pular para o conteúdo