CAU/BR

Apresentação do MobiArq marca evento do IAB e CAU/TO

O MobiArq Protagonista, aplicativo que permite aos arquitetos e urbanistas atuarem como coadjuvantes na fiscalização de obras irregulares na cidade já está disponível para download e uso por profissionais do Tocantins. O aplicativo foi apresentado, aos arquitetos de Palmas, nesta quarta-feira, 05, durante o Arquiteto Gourmet, evento promovido pelo Instituto de Arquitetos do Brasil- seção Tocantins, com apoio dos Conselhos de Arquitetura e Urbanismo do Brasil e do Tocantins- CAU/BR e CAU/TO.

 

Com a proposta de promover a interação e integração da categoria em um ambiente leve e descontraído, o Arquiteto Gourmet reuniu  profissionais para discutir arquitetura e urbanismo no Tocantins. Na ocasião, o presidente o Instituto Municipal de Planejamento Urbano de Palmas (Impup), Luiz Massaru, proferiu palestra sobre as questões urbanas da Capital, quando afirmou que a cidade está sendo pensada não apenas para o agora, mas para os próximos 30 anos. “É fundamental que uma cidade como Palmas não perca seu processo de planejamento, mas também é importante que a gente se abra para fora, que vejamos outras experiências, podemos aprender até com cidades pequenas”, disse.

 

Massaru também falou de questões como o sistema de transporte público em processo de implantação em Palmas, o BRT, que segundo ele deve, no futuro, oferecer o mesmo suporte que uma operação de metrô, além de outros desafios para o desenvolvimento da  Capital, como a implantação de um porto fluvial que possua integração com o aeroporto. “Por está começando, e podendo começar certo, as oportunidade são muito maiores aqui”, ressaltou.

 

MobiArq Protagonista

Coube ao vice-presidente do CAU/TO, Carlos Eduardo Cavalheiro, a apresentação do MobiArq Protagonista. O aplicativo, desenvolvido pelo CAU/BR, permite que arquitetos e urbanistas possam colaborar na fiscalização de obras irregulares através de um smartphone. O MobiArq está disponível para os sistema operacionais Android e IOS, nas lojas de aplicativos da Apple e Google Play gratuitamente.

 

Colaborador apresenta o aplicativo MobiArq.

 

Para utilizar o MobiArq basta que o profissional tenha registro no Sistema de Informação e Comunicação do CAU e faça o download do aplicativo, então ao observar um indício de irregularidade, o profissional abre o aplicativo, tira uma foto do local, indica qual a possível irregularidade e pode fazer um breve relato da situação. Se quiser fazer uma denúncia formal, já contém um link com o SICCAU Corporativo para que a mesma seja gravada e passe pelos trâmites legais previstos. O APP armazena as contribuições de forma georreferenciada e envia à equipe de fiscalização do CAU/UF que seguirá os trâmites necessários para averiguar a questão.

 

De acordo com Cavalheiro, o MobiArq Protagonista é uma forma “do profissional também poder atuar pela defesa da profissão, ele também será protagonista no processo de fiscalização de irregularidades”, disse. Observador de obras irregulares em Palmas, o arquiteto Luiz Otávio Escaleno considerou o MobiArq muito útil para os profissionais, “é mais uma ferramenta que vai nos dá suporte para a coerção de  obras irregulares na cidade”, ressaltou.

 

“Palmas, nasce uma capital entre o sol, a serra e o lago”, o primeiro livro organizado pelo IAB/TO no Estado trata do papel da arquitetura e urbanismo na implantação e construção de Palmas. Organizado em duas partes, o livro contará na primeira parte com textos sobre os aspectos históricos, legais e políticos da implantação de Palmas, e na segunda sobre a arquitetura em si, contando inclusive com a análise de obras da cidade, explicou a organizadora do livro, arquiteta Mara Kraemer.

 

Já o presidente do IAB/TO, Giovanni Assis, explicou que tanto o Arquiteto Gourmet, quanto o Livro, são projetos que foram contemplados com edital de patrocínio do CAU/BR com a finalidade de promover a Arquitetura e Urbanismo no País.

Além do patrocínio do CAU/BR, o IAB/TO busca apoiadores para a edição, que deverá ser lançada em setembro, no Salão do Livro, em Palmas.

 

 

Publicado em 02/09/2015. Fonte: CAU/TO.

MAIS SOBRE: CAU/BR CAU/UF

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

NOTA DE ESCLARECIMENTO

CAU/BR

CAU/BR aponta protagonismo feminino na arquitetura e urbanismo durante 98º ENIC

CAU/BR

Comissões do CAU/BR debatem temas de interesse dos arquitetos e urbanistas

CAU/BR

CAU/BR celebra uma década dos primeiros empregados públicos efetivos

Pular para o conteúdo