ARQUITETOS EM DESTAQUE

Arquiteto do Brasil vence prêmio de Melhor Edifício Sustentável das Américas

 

O Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS), projetado pelo arquiteto e urbanista José Portocarrero, venceu o prêmio BREEAM Awards 2018 como o melhor edifício sustentável das Américas e também venceu na categoria voto popular. Com base nas casas indígenas, referências em bioclimática, o edifício em Cuiabá (MT) se destaca pelo conforto térmico e utilização máxima da iluminação natural. Sua cobertura em duas cascas, possibilita o resfriamento interno do prédio e a captação de água da chuva, filtrada e armazenada para uso na irrigação do jardim e lavagem de pisos. “O melhor resultado é ajudar a difundir e circular os conhecimentos arquitetônicos dos povos indígenas, que são os primeiros desenvolvidos no Brasil”, afirmou José Portocarrero, que também é professor da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT).

 

O BREEAM Awards 2018 é concedido pela mais antiga empresa certificadora de construções sustentáveis no mundo, sediada em Londres. A BREEAM já avaliou mais de 250.000 edifícios em todo o planeta. Foram premiados 20 edifícios sustentáveis em várias categorias e países. Mas o maior destaque foi mesmo para o Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS), que foi o mais bem-avaliado pelo público, recebendo mais de 2.000 votos pelo site. “Mais importantes do que as qualidades dos projetos selecionados e vencedores são os exemplos que eles estabelecem, demonstrando os aspectos práticos e os benefícios das soluções sustentáveis”, afirma Alan Yates, diretor técnico da BREEAM.

 

O professor José Portocarrero foi convidado pelo Sebrae para desenvolver o projeto por causa de seus estudos sobre as habitações da etnia Bororo, no Parque do Xingu. “Eles queriam algo inovador, que inspirasse aqueles microempresários a buscar novos caminhos”, explica. O Centro Sebrae de Sustentabilidade tem um formato parecido com o de uma oca, adaptando o projeto ao terreno em declive. Entre os benefícios do projeto, se destacam o conforto térmico, a utilização máxima da iluminação natural e a cobertura em duas cascas, que possibilitam o resfriamento interno do prédio e a captação de água da chuva, filtrada e armazenada para uso na irrigação do jardim, lavagem de piso, banheiros, entre outros. Além da iluminação natural, microusinas foram implantadas no telhado, reduzindo o consumo de energia elétrica da sede em 30%.

 

José Portocarrero (segundo à direita) e equipe do Sebrae Mato Grosso recebem o prêmio em Londres

 

“As casas indígenas resistem muito mais, não são derrubadas pelo tempo, porque são construções aerodinâmicas e reduzem em 30% a força do vento. O ar passa ali como respiração”, afirma Portocarrero, que já visitou 28 aldeias indígenas em suas pesquisas. “Não foi um índio ou um arquiteto, mas gerações de indígenas que desenvolveram essas tecnologias, desde o desenho até os materiais de construção de uma estrutura espacial”. O processo de construção ainda incluiu a participação de mulheres, o reaproveitamento de resíduos, como palha, cipó, madeiras e pedras, comum às construções indígenas. O edifício ainda conta com uma instalação de vermicompostagem, que recebe resíduos orgânicos da lanchonete e da poda de árvores e plantas. O jardim do CSS é integrado por espécies do Cerrado, Pantanal e Amazônia, biomas presentes em Mato Grosso.

 

O Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS) é o primeiro prédio no Estado a receber o Selo Procel de Eficiência Energética.

 

Com informações do jornal O LIVRE, de Cuiabá

31 respostas

  1. Precisamos consolidar este conceito de sustentabilidade em todas as edificações a serem construidas no pais. Isso é o futuro.

    É um exemplo que deve ser seguido!

    Parabéns ao arquiteto/prifessor

  2. São arquitetos e projetos assim que nos fazem ter vontade de continuar.
    Parabéns Arquiteto

  3. Parabéns

    Um exemplo que resgata o conhecimento da nossa cultura Indígena, que pode perfeitamente
    ser aplicado para casa, vilas, ecovilas!

    Que assim seja!

    Att.
    Sergio Gazal
    Arquiteto

  4. PARABÉNS AO PROFESSOR PELO PESQUISA E USO DAS TÉCNICAS NATURAIS INDÍGENAS E AO SEBRAE PELA INICIATIVA!
    DIVULGAR PARA ENSINAR!

  5. Parabéns à Portocarrero pelo intenso trabalho de pesquisa e dedicação ao tema. Belo projeto! uma inspiração a ser seguida.

  6. Parabens exemplos assim merecem todo nosso respeito. Sou arquiteta e tambem tenho essa ideologia da sustentabilidade, traduzido tambem em um de meus projetos denominado “Apart Casas” premiado no concurso nacional Opera Prima, valorizando justamente os valores da arquitetura regional indigena e do caboclo amazônico traduzido numa construcao vertical urbana sustentabilissima

  7. Parabéns!!!!Uma arquitetura belíssima,funcional e nota dez na sustentabilidade.Muitas felicidades!!!

  8. Parabéns Arquiteto José Portocarrero! Belo trabalho! Fico feliz em ver novas oportunidades para que talentos da nossa arquitetura possam desenvolver, apresentar e transmitir suas criatividades.

  9. Parabéns Professor! Que aprendeu com a sabedoria indígena na arte da construção e traduziu este saber para a linguagem moderna. Que bom aprender com você.

  10. Parabéns ao arquiteto Portocarrero e a toda equipe do SEBRAE MT.

    Que o trabalho de vocês sirva de inspiração para os outros profissionais responsáveis por nosso ambiente construído. Maximizar o conforto natural, o respeito ao clima local e às leis da física é a primeira lei da sustentabilidade!!

  11. Parabéns professor José Portocarrero !
    Que seu trabalho sirva de inspiração aos jovens profissionais !
    Abraços

  12. …claro que no geral, gostei do edifício.
    mas gostaria saber o qué es mismo un edifício (ou seja a totalidade dele) sustentable?

  13. Parabéns colega,trabalho muito bom e prêmio merecido.Quando estiver em Cuiabá, farei uma visita ao local para conhecer pessoalmente a edificação. Ao pessoal do SEBRAE nosso muito obrigado por oferecer essa oportunidade de poder mostrar as potencialidades dos arquitetos brasileiros e a qualidade dos seus projetos.O SEBRAE oferece um grande exemplo de como as diversas instituições governamentais ou não podem valorizar a produção arquitetônica do país. Arquiteto Nilo Nunes.

  14. Parabens pela bela e funcional arquitetura e também pelo resgate de nossa cultura indigena.
    Parabens pelo grande e belo trabalho de pesquisa.

  15. Parabens Professor Arquiteto por Reintegrar processos construtivos totalmente originais de nossas populacoes nativas em nossos Biomas! Esta mais que na hora de redirecionarmos esforcos em prol de uma nova Organificacao construtiva para novas Cidades Verdes Sustentaveis! Vide nosso site http://www.curadoresdaterra.com.br

  16. Parabéns pelo “olhar ” para a Arquitetura Vernacular…conceitual!!
    Precisamos transmitir o conceito de Sustentabilidade a nova geração de profissionais. Um sentimento de orgulho de arquiteto e professor…Parabéns Portocarrero!

  17. Parabéns
    Nosso pais e planeta necessitam deste tipo de construção. Isto é possível.
    O ser humano tem inteligência suficiente para construir obras assim que agridam menos o meio ambiente.
    E tudo na vida é observação, se observarmos os animais e civilizações antigas poderemos tirar muito conhecimento.
    Abraços e sucesso

  18. PROFESSOR E ARQUITETO JOSÉ PORTOCARRERO,

    É com muita alegria que tomo conhecimento deste trabalho e de que esta obra foi concluída. Muitos sonhos projetados jamais saíram do papel. O seu projeto não somente saiu do papel mas já é um Ícone da Sustentabilidade em Nosso País. Obrigada por tornar possível esta obra de referência, um exemplo a ser seguido por profissionais da área e o meio incorporativo Imobiliário.

    Meus Parabéns com todos os Louvores!

    Elisa Melo
    Arquiteta e Urbanista

  19. Parabéns José . Fazer o simples e funcional é que é difícil, mas , com sua pesquisa atenta aos detalhes, conseguistes copiando dos arquitetos Bororos a sua concretização. Parabéns

  20. Um grande trabalho de conscientização merecedor , sua divulgação é mais que importante é necessária . O edifício obedece a uma releitura das construções indígenas da região usando uma tecnologia sustentável, temos que entender e convencer nossos clientes, os quais que na maioria engessam nossas propostas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

PRÊMIOS

Prêmio Projeto de Arquitetura reconhecerá obras criadas por arquitetos nacionais

PRÊMIOS

SESI Lab concorre ao 8º Prêmio Obra do Ano da ArchDaily Brasil

PRÊMIOS

Prêmio Deca abre inscrições com novas categorias para arquitetos e designers de interiores

PRÊMIOS

CAU/MT e SOUL premiados com categoria no Prêmio Colunistas  

Pular para o conteúdo