ARQUITETURA SOCIAL

Edital ATHIS 2021: acesse vídeos e informações sobre os projetos a serem patrocinados

A Gestão 2021 do CAU Brasil tem, entre suas principais marcas,  aperfeiçoar a relação institucional e o atendimento do CAU aos Arquitetos e Urbanistas e a Sociedade, bem como promover ações inclusivas para diminuição das desigualdades através da arquitetura e urbanismo.

 

Neste sentido, uma das principais entregas, foi o lançamento do edital de patrocínio de ações ATHIS, no valor total de  R$ 1.000.000,00, para fomento ao “desenvolvimento e execução de  projetos de apoio à assistência técnica em habitação de interesse social (ATHIS) em consonância com o desenvolvimento e execução das diretrizes indicadas no Manifesto em Defesa da Moradia Digna para Todos, divulgado pelo CAU Brasil em julho de 2021 no Congresso Mundial de Arquitetos-  UIA Rio 2021”.

 

A iniciativa  gerou belos resultados iniciais.  

 

Clique aqui para acessar relatório completo da iniciativa. 

 

Veja abaixo vídeos com cinco exemplos de propostas selecionadas, um de cada região do país. 

 

NORTE

 

No Pará, o projeto Cidades Desejáveis: Mão na Massa na Comunidade foi um dos contemplados para ser patrocinado. O Cidades Desejáveis tem como proposta transformar espaços públicos de importância às comunidades em espaços acolhedores e atrativos.  Conheça o que o foi desenvolvido no município de Ananindeua (PA).

 

NORDESTE

 

 

Na Paraíba, a União por Moradia Popular foi uma das contempladas para ser patrocinada. A comunidade Terras Belas, localizada no município de Conde (PB), por muito tempo sofreu com casas sem banheiro, sem iluminação e sem urbanização. A falta de infraestrutura e de espaços públicos comunitários de qualidade também eram um problema.

O município então teve Lei de Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social (Lei Federal nº 11.888/2008) implementada e, com a ajuda do CAU Paraíba, conseguiu identificar mais de 62 projetos de melhorias habitacionais

 

CENTRO-OESTE

 

Em Brasília (DF), o Grupo de Pesquisa e Extensão Periférico da Universidade de Brasília foi um dos contemplados para ser patrocinado. A proposta consiste em unir Pós-Graduação e Extensão em um curso multidisciplinar, que apresente aos alunos uma visão das políticas públicas para assim agir na capacitação de técnicos e de agentes comunitários por meio de oficinas. Conheça o que foi desenvolvido em Brasília (DF).

 

SUDESTE

 

Em São Paulo, o bairro de Jardim Peri foi um dos contemplados por meio do projeto Plano Popular para o Futuro Melhor. A ideia é desenvolver um estudo básico de urbanização do local para apoiar a proposta de regularização fundiária da comunidade, que está ameaçada de remoção em razão da implantação do Lote 12 da Parceria Público-Privada de habitação do Município de São Paulo. Conheça o que foi desenvolvido na comunidade Jardim Peri (SP).

 

SUL

 

Em Santa Catarina, o Quilombo Toca Santa Cruz, localizado no município de Paulo Lopes, foi um dos contemplados no edital de ATHIS do CAU Brasil. A proposta apresentada é resultante de uma demanda histórica da comunidade: a construção de um espaço coletivo que viabilize melhores condições para a organização comunitária, educação e formação quilombola, capacitação profissional e integração entre os núcleos familiares. Conheça um pouco mais sobre o que vem sendo desenvolvido em Paulo Lopes (SC)

 

Foram também classificados os seguintes projetos:

 

Laboratório da Cidade – LDC (Belém – PA) – Projeto: Cidades Desejáveis: Mão na Massa na Comunidade

 

Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos (Brasilia/DF) – Projeto: Residência Multiprofissional em Ciência, Tecnologia e Sociedade – CTS: Habitat, agroecologia, economia solidária e saúde ecossistêmica em territórios do DF e entorno

 

Centro Sócio Pastoral N S da Conceição (Natal – RN) –  Projeto: Mãe Luiza Acessível

 

Associação Panã Arquitetura Social (Brasilia – DF)

 

Se você é um gestor público, arquiteto e urbanista, representante de ONGs, representante de OSCIPs, agente comunitário ou faz parte de alguma associação de bairro e quer ajudar nessa empreitada, acesse Moradia Digna  

 

 

 

2 respostas

  1. Sugiro que, em futuro, caso relancem este Edital de ATHIS, pensem na possibilidade de contemplar a sequência lógica das Regularizações Fundiárias: as Regularizações Edilícias.

    A proposta permite ir além da garantia da posse e propriedade, na comunidade, mas a inserção da edificação sobre o lote, de modo a prover mais que o endereço, a inserção do bem familiar, o acesso a financiamentos, etc

    1. Agradecemos o contato e sua sugestão. A sua opinião é muito importante para que possamos tornar o CAU Brasil cada vez melhor. Temos um canal direito para acolher sugestões, dúvidas e reclamações. ??

      ? Por favor envie sua sugestão por meio da Ouvidoria do CAU Brasil, que é o canal de comunicação direto entre o cidadão e o Conselho, no site https://caubr.gov.br/ouvidoria/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

CAU/BR aponta protagonismo feminino na arquitetura e urbanismo durante 98º ENIC

CAU/BR

Comissões do CAU/BR debatem temas de interesse dos arquitetos e urbanistas

CAU/BR

CAU/BR celebra uma década dos primeiros empregados públicos efetivos

CAU/BR

CAU/BR inaugura Galeria de Presidentes com a presença de três ex-presidentes

Pular para o conteúdo