ABAP

Oficina para o Mercado Exterior capacita cinquenta arquitetos em Brasília

Por Emerson Fonseca Fraga, Jornalista do CAU/BR

 

 

Pedro Diniz Coelho, gerente do projeto “Built by Brazil”, da AsBEA, durante palestra na oficina (Foto: Emerson Fonseca Fraga – CAU/BR)

 

Mais de cinquenta arquitetos e urbanistas participaram da oitava Oficina de Capacitação de Escritórios para o Mercado Exterior, realizada na última quinta-feira (7/6), em Brasília. “Temos muitos mercados em potencial, e não só nos países fronteiriços. Voltei agora da China e lá eles, com quase um bilhão e meio de habitantes, têm cerca de 30 mil arquitetos apenas”, contou Rafael Cunha Moreira, coordenador-geral de Sistemas, Estatísticas e Informações Gerenciais do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços. 

 

O ouvidor-geral do CAU/BR e vice-presidente para as Américas da União Internacional dos Arquitetos (UIA), destacou na oficina que o 26º Congresso Mundial de Arquitetos, marcado para 2020, no Rio de Janeiro, é uma oportunidade histórica para a internacionalização da área. “A qualidade e criatividade da nossa Arquitetura é reconhecida e prestigiada lá fora. Vamos fazer valer essa fama com a oportunidade de nos aproximar de outros países. O Congresso será um marco nesse sentido”, afirma.

 

Além de Simon e de Moreira, palestraram na oficina Emanuel Teixeira Junior, gestor de Projetos de Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil); Pedro Diniz Coelho, gerente do projeto “Built by Brazil”, iniciativa conduzida pela Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura (AsBEA) para estimular a exportação de serviços do setor; Eduardo Pasquinelli, membro da Comissão de Relações Internacionais do CAU/BR; e Ana Laterza e Paul Beyer, servidores do CAU/BR.

 

O evento, promovido em parceria com o CAU/DF, foi realizado na Livraria Cultura do shopping CasaPark, que cedeu gratuitamente o espaço.

 

PRÓXIMAS EDIÇÕES

 

As próximas oficinas serão realizadas em Natal (27 de julho), Recife (8 de agosto) e Fortaleza (10 de agosto). As datas ainda estão sujeitas a confirmação e a inscrições serão abertas em breve.

 

Para melhor aproveitamento da Oficina de Capacitação para o Mercado Exterior, é recomendada a leitura de alguns textos e apostilas para a melhor compreensão e aproveitamento do conteúdo. Clique aqui para baixar o material.

 

As primeiras oficinas aconteceram em 2017. Os profissionais de sete cidades foram capacitados: Foz do Iguaçu (PR), Santana do Livramento (RS), Chapecó (SC), Dourados (MS), Macapá (AP), São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ). Participaram pessoalmente 279 arquitetos e urbanistas. As transmissões online, pelo YouTube, tiveram 6.590 acessos.

 

 

SOBRE AS OFICINAS

 

As oficinas de Capacitação para o Mercado Exterior têm o objetivo de ampliar o mercado de trabalho dos profissionais brasileiros, principalmente para países vizinhos, como Argentina, Paraguai, Uruguai e Guiana Francesa. Em 2015, as exportações de serviços de Arquitetura e Urbanismo renderam R$ 16,9 milhões aos escritórios do Brasil.

 

A iniciativa inédita é fruto da parceria entre o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR), a Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura (AsBEA), a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), o Ministério das Relações Exteriores (MRE) e o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC).

 

Apoiam o programa o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), a Federação Nacional dos Arquitetos e Urbanistas (FNA), a Associação Brasileira de Ensino de Arquitetura e Urbanismo (ABEA), a Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas (ABAP) e a Federação Nacional dos Estudantes de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (FeNEA), além dos respectivos CAU/UF onde ocorrem os eventos.

 

PROGRAMAÇÃO DAS OFICINAS DE CAPACITAÇÃO PARA O MERCADO EXTERIOR

 

13h30: Credenciamento

 

14h: Mesa de abertura e introdução

 

14h45: Legislação nacional e acordos internacionais

11 Carta de Serviços do CAULei 12.378/2010 e resoluções do CAU/BR

1.2 Registro no CAU

1.3 Acordos internacionais do CAU/BR

1.4 Panorama da legislação internacional

 

15h30: Intervalo

 

15h45: Preparar a empresa

2.1 Níveis de maturidade da matriz exportadora

2.2 Sistema Integrado de Comércio Exterior de Serviços, Intangíveis e Outras Operações que Produzam Variações no Patrimônio (SISCOSERV)

2.3 Nomenclatura brasileira de serviços, intangíveis e outras operações que produzam variações no patrimônio (NBS)

2.4 Panorama dos países fronteiriços

2.5 Modos de exportação

2.6 Documentos necessários para a exportação de serviços

2.7 Passo a passo da exportação de serviços de Arquitetura

2.8 Formação de preço

2.9 Tributação

 

19h: Encerramento

 

17 respostas

  1. Como posso fazer minha inscrição na palestra, sou de Natal/RN

  2. Quando terá novamente aqui no MS. Terá em campo grande ou dourados novamente?

  3. Sou arquiteto morando na Irlanda como posso assistir on line?

  4. Quando acontecerá em Porto Alegre?
    Este em Brasília poderá ser acompanhando online?

  5. Muito importante a troca de informações como profissionais aqui na América Latina e outros países

Os comentários estão desabilitados.

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

NOTA DE ESCLARECIMENTO

CAU/BR

CAU/BR aponta protagonismo feminino na arquitetura e urbanismo durante 98º ENIC

CAU/BR

Comissões do CAU/BR debatem temas de interesse dos arquitetos e urbanistas

EVENTOS

Patrícia Sarquis Herden é presença confirmada no 3º Fórum Mundial Niemeyer 

Pular para o conteúdo