ATENDIMENTO E SERVIÇOS

CAU/BR e CAU/UF recebem Certificado de Gestão Pública do Governo Federal

 

O CAU/BR recebeu Certificação de Nível de Gestão, concedido pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão como reconhecimento pela adoção de critérios de exigência do Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (Gespública). O documento atesta que o CAU/BR correspondeu às diretrizes do Sistema de Avaliação Continuada da Gestão Pública, conquistando a Gestão Nível 1 – Alta, com validade até março de 2019. O Nível de Gestão foi verificado no Ciclo 2017 de Autoavaliação do CAU/BR, e significa que “a organização já incorpora alguns aspectos da dimensão estratégica da gestão aos seus processos gerenciais, mas a aplicação é localizada e ainda é baixo o grau de continuidade e proatividade. Alguns resultados relevantes decorrentes da aplicação das práticas gerenciais, das avaliações e das melhorias são apresentados com algumas tendências favoráveis”, de acordo com o certificado.

 

O Ciclo 2017 de Autoavaliação do CAU/BR foi finalizado em novembro, com a participação de todos os servidores. Nesta autoavaliação, o CAU/BR somou nota 134,49 – de 250 pontos possíveis. Essa nota indica um importante avanço desde 2016, quando o CAU/BR recebeu o Certificado Gestão Nível 1 – Média, quando a organização estava “em estágios iniciais de adoção de boas práticas, mas ainda não há uma cultura de planejamento; começam a aparecer alguns resultados relevantes decorrentes da aplicação de práticas gerenciais implementados”. O coordenador do GesPública, Esaú Mendes Sirqueira, do Ministério do Planejamento, destacou o sucesso conquistado pelo CAU/BR. “Queria fazer um reconhecimento a esta gestão, que em tão pouco tempo já é referencia na sua forma de gestão para organizações públicas neste país. Reconhecer como referência práticas de vocês na excelência da gestão”, afirmou, ao entregar o certificado ao CAU/BR durante a 23ª Plenária Ampliada, realizada em Brasília no dia 15 de dezembro.

 

Esaú também entregou Certificados de Gestão Pública aos CAU/UF que também realizaram os seus processos de autoavaliação dentro dos critérios estabelecidos pelo GesPública: Alagoas, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo. O CAU/AL recebeu o reconhecimento de Gestão Nível 1 – Média, com validade até agosto de 2018. O CAU/PE também recebeu o reconhecimento de Gestão Nível 1 – Média, com validade até janeiro de 2018. Já o CAU/RJ recebeu o reconhecimento de Gestão Nível 2 – Baixa, válido até dezembro de 2018. O CAU/SP, assim como o CAU/BR, recebeu o reconhecimento de Gestão Nível 1 – Alta, válido até junho de 2018. O GesPública estimula e certifica procedimentos destinados a agilizar o trabalho dos órgãos públicos e a aumentar a transparência das informações ao cidadão.

 

 

 

 

 

O presidente do CAU/BR, Haroldo Pinheiro, destacou os esforços dos servidores das instituições para alcançar esses resultados. “Esse instrumento tem servido para trabalhar coletivamente as nossas instituições. Temos que querer ser excelentes, os melhores possíveis. E para isso precisamos estar nos aperfeiçoando constantemente”, afirmou. A 2ª vice-presidente do CAU/BR e coordenadora da Comissão de Organização e Administração, Gislaine Saibro, destacou os esforços para buscar a excelência no CAU, de forma persistente. “Vamos seguir com coragem para que possamos seguir nessa trilha do investimento em gestão e da busca constante pela excelência”, disse.

 

O Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (Gespública), de onde foram tirados os critérios para a autoavaliação, deixou de existir em 2017, por força do Decreto Federal Nº 9.094. Porém, o Ministério do Planejamento, em conjunto com outras organizações públicas e privadas, segue disponibilizando as ferramentas do extinto Gespública. Assim, o CAU/BR e os CAU/UF estão construindo um modelo de referência em gestão pública. O MRG CAU – Modelo de Referência em Gestão do CAU, está alinhado com o Planejamento Estratégico do CAU, que define como missão “levar Arquitetura e Urbanismo para todos” e projeta para 2023 seu reconhecimento como referência na defesa e fomento das boas práticas do setor. O modelo pretende estar orientado ao cidadão e respeitar os princípios constitucionais da impessoalidade, da legalidade, da moralidade, da publicidade e da eficiência, sendo voltado para a disposição de resultados para a sociedade – com impactos na melhoria da qualidade de vida e na geração do bem comum. 

 

Iniciativas de excelência em gestão já geraram diversos instrumentos fundamentais, como a Carta de Serviços ao Cidadão, que visa informar quais são os serviços disponibilizados pelo CAU e quais as formas de acesso, requisitos e compromissos para o atendimento que são adotados pela instituição. Saiba mais aqui. Além disso, o Centro de Serviços Compartilhados do CAU (CSC-CAU), adquiriu um sistema de de gestão integrada com soluções de Business Process Management System – Sistema de Gestão por Processos de Negócio (BPMS), Enterprise Content Management – Gestão de conteúdo empresarial (ECM), planejamento estratégico e gestão de projetos.

 

Saiba mais sobre o MRG CAU clicando aqui.

 

 

 

 

 

 

Uma resposta

  1. Que legal, eu sempre sou muito bem atendido pelo CAU quando ligo para tirar minhas dúvidas.

    Abraço

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

CAU/BR aponta protagonismo feminino na arquitetura e urbanismo durante 98º ENIC

CAU/BR

Comissões do CAU/BR debatem temas de interesse dos arquitetos e urbanistas

CAU/BR

CAU/BR celebra uma década dos primeiros empregados públicos efetivos

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

Pular para o conteúdo