EQUIDADE

CAU Brasil lança projeto “Cadernos de Políticas Afirmativas”

Em 15 de dezembro, Dia do(a) Arquiteto(a) e Urbanista, o CAU Brasil lançará os Cadernos de Políticas Afirmativas. O projeto estruturado pela Comissão Temporária de Políticas Afirmativas (CTPAF) consolida o trabalho que vem sendo desenvolvido desde 2020 para a promoção da equidade de gênero e de raça, inclusão das pessoas com deficiência e LGBTQIAPN+ no CAU. Em quatro volumes, a coleção será publicada no primeiro semestre de 2024.

 

Os cadernos resgatam a produção da Comissão Temporária de Política de Equidade de Gênero, em 2020; da Comissão Temporária de Raça, Equidade e Diversidade, entre 2021 e 2022; e da Comissão Temporária de Políticas Afirmativas (2023), que se tornará permanente a partir de 2024, depois de aprovação pelo plenário de conselheiros/as.

 

O objetivo da publicação é compilar as estratégias desenvolvidas para a valorização e pluralidade da prática profissional, além do acesso e da inclusão, com recortes social, de gênero, de raça e LGBTQIAPN+, propondo e promovendo boas práticas na arquitetura e urbanismo, trabalhadas transversalmente.  O público interessado na estruturação inovadora destas medidas no âmbito da autarquia pública terá acesso ao relato das ações divididas em seis eixos: Política, Conselho, Ensino e formação, Historiografia, Prática profissional e Cotidiano.

 

O primeiro caderno busca apresentar um panorama das principais diretrizes do CAU para a construção das Políticas Afirmativas no Conselho, considerando o papel institucional e da participação popular para a consolidação dos princípios democráticos. Apresentará ainda o histórico do debate da equidade no Conselho, os compromissos firmados, os estudos e pesquisas elaborados.

 

O reflexo das Políticas Afirmativas no Ensino, Formação e Historiografia e o histórico de ações e pesquisas sob a perspectiva da equidade no debate da arquitetura e urbanismo são os temas do segundo caderno.

 

No terceiro, o CAU se dedica a apresentar as diversas ações e experiências realizadas pelos CAU/UF para a promoção da equidade entre profissionais da arquitetura e urbanismo e o impacto da prática profissional na sociedade.

 

O último volume apresenta práticas geradoras de equidade no cotidiano, a partir da arquitetura e urbanismo, com propostas inclusivas para as cidades, no intuito de melhorar as condições de diversas populações, considerando gênero, raça, recortes geracionais e identidades múltiplas de comunidades LGBTQIAPN+, de PCDs e de pessoas em vulnerabilidade social.

 

BAIXE O FOLDER EXPLICATIVO DO PROJETO NA SEÇÃO “ACERVO” OU NESTE LINK

MAIS SOBRE: EQUIDADE

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

EQUIDADE

Comissão Temporária de Políticas Afirmativas do CAU Brasil apresenta seu relatório final de atividades

EQUIDADE

CAU Brasil promove II Encontro da Diversidade em 15 e 16 de maio

EQUIDADE

Comissão de Ações Afirmativas do CAU Brasil seguirá atuando em 2023

ARQUITETOS EM DESTAQUE

Dia Nacional da Consciência Negra: CAU Brasil promove ações para equidade

Pular para o conteúdo