CAU/BR

CAU/BR realiza 43ª Reunião Plenária Ordinária, em Brasília

 

Nesta quinta (25) e sexta-feira (26), o CAU/BR realiza sua 43ª Reunião Plenária Ordinária, em Brasília. Na pauta, está a assinatura de acordo do CAU/BR com o Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (Unops) para cooperação na defesa de boas práticas nas contratações de obras públicas, entre elas a elaboração do projeto completo antes das licitações. O Unops presta serviços de gestão de projetos, contratações públicas e infraestrutura física a diversos governos e serve como braço operacional da ONU em ações de ajuda humanitária e assistência técnica. Saiba mais aqui.

 

Também será homologada a indicação do ex-conselheiro federal Roberto Simon para o cargo de ouvidor-geral, em substituição a José Eduardo Tibiriçá, que completou três anos na função, limite máximo estabelecido pela Deliberação Plenária Nº 10/2012. Os conselheiros devem votar ainda as diretrizes para a primeira reprogramação orçamentária de 2015 dos 27 CAU/UF e do CAU/BR.

 

A reunião será transmitida ao vivo pelo site do CAU/BR.

 

Confira a íntegra da pauta:

 

Data: 25 e 26/06/2015 (9h às 18h)

Local: Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio – CNTC

Endereço: Av. W5 Sul – Quadra 902 – Bloco C – Brasília – DF

 

  1. Verificação de quórum;
  2. Execução do Hino Nacional Brasileiro;
  3. Pauta;
  4. Ata da 42ª Reunião Plenária Ordinária – discussão e aprovação;
  5. Comunicados:

5.1. CEAU;

5.2. Ouvidoria Geral;

5.3. Coordenadores das comissões Especiais;

5.4. Coordenadores das comissões Ordinárias;

5.5. Presidência;

–              Apresentação da campanha pela Ética na Arquitetura e Urbanismo.

(Origem: Comissão de Ética e Disciplina e Presidência; Assessoria de Comunicação Integrada).

  1. Assinatura de acordo entre o CAU/BR e UNOPS (United Nations Office for Project Services – Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos) – Deliberação CAU/BR nº 42-06/2015 – Com a presença da gerente do Centro de Projetos no Brasil, Sra. Suelma Rosa dos Santos.
  1. Ordem do dia:

7.1.        Conclusão do mandato do Ouvidor Geral, José Eduardo Tibiriçá, e Projeto de Deliberação Plenária para homologação da indicação da Presidência, arq. urb. Roberto Simon – Deliberação CAU/BR nº 10/2012;

(Origem: Presidência).

7.2.        Devolução de pedido de vistas do Conselheiro Renato Nunes: Projeto de Deliberação Plenária de apreciação de recurso interposto ao Processo de Fiscalização do CAU/MG – Protocolo SICCAU 187939/2014: Interessada: arquiteta e urbanista Maria de Fátima Bomtempo;

(Origem: Comissão de Exercício Profissional).

7.3.        Projeto de Deliberação Plenária para aprovação da Resolução que dispõe sobre os procedimentos para aprovação dos atos administrativos do tipo resolução, deliberação e proposta, de competência do CAU;

(Origem: Comissão de Organização e Administração).

7.4.        Projeto de Deliberação Plenária para aprovação das Diretrizes para Reprogramação do Plano de Ação – exercício 2015;

(Origem: Comissão de Planejamento e Finanças).

7.5.        Projeto de Deliberação Plenária para aprovação da Resolução que regulamenta as competências e a composição da Comissão Eleitoral Nacional;

(Origem: Comissão de Organização e Administração).

7.6.        Projeto de Deliberação Plenária para aprovação da Resolução de ressarcimento de valores pagos indevidamente pelos arquitetos e urbanistas ao CAU;

(Origem: Comissão de Planejamento e Finanças).

7.7.        Projeto de Deliberação Plenária de julgamento do processo ético-disciplinar N° nº 177049/2014;

(Origem: Comissão de Ética e Disciplina).

7.8.        Projeto de Deliberação Plenária de julgamento do processo ético-disciplinar N° nº 211466/2015;

(Origem: Comissão de Ética e Disciplina).

7.9.        Projeto de Deliberação Plenária que homologa Registros de profissionais diplomados no Exterior: Interessado: Maria Paula Dunel

(Origem: Comissão de Ensino e Formação).

  1.  Comunicações dos conselheiros e assuntos de interesse geral;
  2.  Encerramento.
Publicado em 22/06/2015.
MAIS SOBRE: CAU/BR

10 respostas

  1. Afinal, do que vale queremos participar com sugestões, se os nossos textos demoram tanto para serem publicados?
    E quando são , perdem a função primeira , possibilitando profícuo debate.
    Vamos agilizar, isso !!!

  2. Na hora que o comentário finalmente é publicado já perdeu totalmente o contexto. A moderação demora muito!
    Se a participação dos arquitetos é apreciada e nossa opinião importa, então retirem a moderação!
    Obrigada!

    1. Prezada Giuliana, infelizmente não podemos abrir mão da moderação, a fim de evitar que informações falsas, ofensas e calúnias sejam propagadas pelo site oficial do Conselho. Agradecemos a atenção e a participação ao vivo na plenária!

    2. Acho louvável que o CAU/BR dê publicidade às plenárias, o que não acontece nos estados, mas se eu já achava ruim a moderação, acho ainda pior que o meu texto foi editado e a primeira frase foi removida.
      Mais uma vez, se nossa opinião conta, ok, publiquem. Se não, então removam o formulário e não aceitem os comentários.
      Moderem após a postagem e excluam (e bloqueiem) os ruins e mau educados. Penalizar quem quer participar não é o caminho.

  3. Inadimissível foi obrigar a votação de todos os Registrados no CAU.
    Digo isso porque, nem todos estão pagam anuidades.
    Nem todos, um dia, acessam acessaram o Sistema.
    Digo isso porque existe uma leva de profissionais que nem imaginam estão registrados no Conselho, devido estarem com as suas atividades profissionais interrompidas e/ou finalizadas. E, mesmo assim, constam no sistema porque foram “migrados” do antigo Sistema.
    Assim, proponho que a votação seja obrigatória, tão somente para os realmente ativos e adimplentes com o Conselho, até determinada data, antes das eleições.

  4. Quanto às Eleições do CAU:
    Por favor, mais transparência. E e menos “lambança” no sistema eleitoral, como um todo.

  5. Concordo plenamente com a conselheira do RS, Gislaine Vargas Saibro. O Assunto está esgotado e o código de ética deve ser aplicado!
    Aproveito para solicitar a publicação dos votos de cada estado.
    Obrigada e chega de RT! Preço sim, comissão não! Aprender a cobrar!

  6. Caros Conselheiros,
    Toda e qualquer Campanha do CAU deverá ter como publico alvo a sociedade, como um todo.
    Ou seja, não adianta focar somente nos Arquitetos e Urbanistas, que já são obrigados a agirem de acordo com o Codigo de Etica e Displina da Profissão.
    A Sociedade não faz ideia do tamanho do problema da falta de etica daquele que praticam a RT.
    Aliás, o termo Reserva Tecnica deveria ser modificado para COMISSÃO.

  7. O que vemos na imensa maioria dos casos é: Os melhores arquitetos são aqueles que vendem mais!!!
    Chega de RT!!!

  8. Olá, boa tarde.

    Gostaria de saber se vai ser apresentada uma das pautas da reunião anterior que não foi apresentada por falta de tempo. Essa pauta é de extrema importância para nós arquitetos podermos acompanhar as ações do CAU/BR e das UF.

    Na 13ª Plenária Ampliada, que ocorreu em conjunto com a 42ª Plenária Ordinária, foi apresentada na pauta o item “Apresentação do Portal da Transparência e participação dos CAU/UF (Origem: Presidência)”, mas a apresentação não ocorreu.

    O CAU/BR está dando ótimo exemplo na prestação de contas, os dados são muito claros e diretos, mas vejo aqui que é necessário que se normatize a maneira como são apresentados os dados de transparência também nas UF, pois algumas não disponibilizam dado nenhum e outras de forma muito incompleta.
    Acho que é dever do CAU/BR cobrar das UF essa padronização dos dados a serem apresentados.
    Nós arquitetos temos o direito de saber como nosso dinheiro está sendo gasto!

Os comentários estão desabilitados.

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

NOTA DE ESCLARECIMENTO

CAU/BR

CAU/BR aponta protagonismo feminino na arquitetura e urbanismo durante 98º ENIC

CAU/BR

Comissões do CAU/BR debatem temas de interesse dos arquitetos e urbanistas

CAU/BR

CAU/BR celebra uma década dos primeiros empregados públicos efetivos

Pular para o conteúdo