CATEGORIA

CAU/PB oficia entidades sobre irregularidades encontradas na reforma do Pavilhão do Chá

pavilhão do chá
O Pavilhão do Chá está localizado na Praça Venâncio Neiva, no Centro de João Pessoa

 

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo da Paraíba (CAU/PB) oficiou entidades de defesa do patrimônio nas esferas municipal, estadual e federal, bem como a coordenadoria do patrimônio, alertando sobre as irregularidades encontradas na reforma do Pavilhão do Chá, localizado na Praça Venâncio Neiva, no Centro de João Pessoa.

 

A fiscalização do CAU/PB constatou que, apesar de constar o Registro de Responsabilidade Técnica (RRT), assinado por arquiteto e urbanista regularmente inscrito neste conselho, a obra possui indícios de descaracterização do bem tombado. Foram verificadas a realização de pinturas e instalação de divisórias na parte externa do pavilhão, sem aprovação prévia dos órgãos patrimoniais.

 

pavilhão do chá
Foram verificadas a realização de pinturas e instalação de divisórias na parte externa do pavilhão

 

O CAU/PB tem como função precípua regular, regulamentar e fiscalizar o exercício da profissão de Arquitetura e Urbanismo, assim como atuar no interesse do exercício da profissão prevalecendo o interesse do bem coletivo.

 

Os órgãos oficiados foram o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (IPHAEP), a Coordenadoria do Patrimônio Cultural de João Pessoa (COPAC-JP) e a Promotoria de Justiça e Defesa do Meio Ambiente e Patrimônio Social.

 

Modificações estão sendo realizadas no bem tombado
Modificações estão sendo realizadas no bem tombado

 

 

FONTE: CAU/PB

 

Publicado em 05/10/2016

MAIS SOBRE: CATEGORIA

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

ACERVOS

Seminário TOPOS:  CAU/BR e FAU/UnB promovem debate sobre a importância de acervos e arquivos de urbanismo no país 

#MulherEspecialCAU

“Arquiteta, na solidão da sua profissão, seu nome pede valorização!”, defende Tainã Dorea

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

Pular para o conteúdo