UIA 2023

Comitiva representará arquitetura brasileira no Congresso Mundial UIA 2023


Os arquitetos/as e urbanistas brasileiros tem contribuições fundamentais para o projeto de futuro sustentável que o planeta necessita. Para divulgar o  posicionamento dos profissionais, o CAU está estruturando a participação no Congresso Mundial UIA 2023, em conjunto com o IAB, representante oficial do Brasil junto à UIA. O Plano de Trabalho e Orçamentário da comitiva do CAU que participará do evento em Copenhage, nemeada pela Unesco capital mundial da arquitetura 2023, foi aprovado durante a 135ª Plenária Ordinária, no dia 14 de abril.

 

O Congresso Mundial acontece entre os dias 3 e 7 de julho em Copenhage, na Dinamarca. O tema do evento, “Futuros sustentáveis: Não deixar ninguém para trás”, convoca profissionais de todo o mundo à reflexão sobre como tornar a arquitetura mais sustentável, econômica e acessível. A presidente Nadia Somekh destacou a responsabilidade da missão brasileira e da própria arquitetura diante da necessidade de colaborar para uma economia global baseada na redução de emissões de carbono na atmosfera com inclusão social. “Para descarbonizar o mundo, os países precisarão investir no Brasil e o que nós queremos é que isso aconteça com princípios de não reprodução das desigualdades”, afirmou.

 

O Plano de Trabalho e Orçamento detalha as atividades e responsabilidades da missão internacional. O estande da arquitetura brasileira será compartilhado entre CAU e IAB para apresentar temas relacionados com a temática do evento e definidos pela Comissão de Políticas Urbanas e Ambientais (CPUA-CAU/BR). Durante o Congresso, o CAU participará da programação com palestra “Continente Amazônia: o amanhã”, ministrada pela professora da Universidade Federal do Pará e conselheira federal suplente, Ana Claudia Cardoso. Há ainda a expectativa de acordos internacionais para facilitar o intercâmbio profissional e acadêmico entre arquitetos e instituições brasileiras e de outros países.  

 

Assessor da presidência Antonio Couto Nunes

 

A apresentação do roteiro durante a plenária foi feita pelo assessor especial da presidência Antonio Couto Nunes. O assessor lembrou que a participação dos arquitetos brasileiros no mais importante evento mundial do setor vem sendo planejada desde 2022, quando o tema foi debatido na semana Maio da Arquitetura, realizada em São Paulo. Movido pelo desafio de oferecer respostas sobre como a arquitetura e urbanismo pode contribuir com o avanço dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas, o CAU Brasil promoveu uma intensa agenda ao longo do ano. 

 

A temática motivou ações focadas no reconhecimento do espaço urbano da Amazônia, território estratégico para o futuro mundial. Em setembro, durante o seminário  “Urbanização e mudanças climáticas: desafios para cidades resilientes na Amazônia”, realizado em Rio Branco, no Acre, nascia o Projeto Amazônia. O impacto da crise ambiental sobre a vida nas cidades também inspirou os projetos financiados pelo edital de ATHIS 2022.  

 

Além do IAB, a missão internacional do CAU Brasil no Congresso UIA 2023 conta com apoio institucional e financeiro da embaixada do Brasil em Copenhage. 

 

A 135ª Reunião Plenária Ordinária foi transmitida ao vivo pelo canal do CAU Brasil no Youtube. 

 

ASSISTA:

 

 

MAIS SOBRE: UIA 2023

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

Relações Internacionais

CAU Brasil assinou memorando de entendimento com CPNAA e RAGA

Relações Internacionais

CAU Brasil firma termo aditivo com Conselho Superior dos Colégios de Arquitetos da Espanha

Relações Internacionais

Na Dinamarca, CAU Brasil e OA/PT assinaram aditamento do acordo das duas instituições

UIA 2023

Arquiteto brasileiro Nivaldo Andrade é o novo vice-presidente das Américas para a UIA

Pular para o conteúdo