ARQUITETURA SOCIAL

CPUA amplia em diversos fóruns o papel do arquiteto e urbanista

Inúmeras estratégias foram adotadas pela Comissão de Política Urbana e Ambiental (CPUA), durante a gestão 2018-2020, para cumprir com o preceito que levou a sua criação: “zelar pelo planejamento territorial, defender a participação dos arquitetos e urbanistas na gestão urbana e ambiental, e estimular a produção da Arquitetura e Urbanismo como política de Estado”.

 

 

Patrícia Silva Luz de Macedo (RN), Eduardo Pasquinelli Rocio (ES), Cristina Evelise Vieira Alexandre suplente de Helio Cavalcanti da Costa Lima (PB), Josélia da Silva Alves (AC) – Coordenadora e Ednezer Rodrigues Flores (RS) – Coordenador-adjunto

 

 

Nos anos de 2018 e 2019 a CPUA realizou 15 eventos nacionais, sendo três em Brasília, sempre com foco no direito à cidade e na política urbana. Temas como cidades mais humanas, patrimônio, Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), Arquitetura Moderna na Amazônia e Assistência Técnica para Habilitação de Interesse Social (ATHIS) permearam todas as ações da comissão, produzindo maior visibilidade para o importante papel do arquiteto e urbanistas nas cidades.

 

A relevância da profissão para o desenvolvimento do País foi reafirmada no Congresso Nacional com o acompanhamento de projetos de lei de interesse da Arquitetura e Urbanismo. Também tratou dos trâmites necessários para o acordo de cooperação técnica com o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR).

 

A articulação política também foi fortalecida junto à sociedade e aos candidatos às eleições de 2018 e 2020, com a discussão de subsídios para a elaboração de cartas que foram amplamente divulgadas nesses segmentos, com o objetivo de criar caminhos para a maior atuação dos arquitetos e urbanistas nas prefeituras e gestão pública.

 

Paralelamente, a comissão fortaleceu a integração das CPUAs de todo o país promovendo encontros, seminários e atividades que envolveram a CPUA e a comunidade local.

 

 

Mesmo num ano de pandemia, 2020 foi um período de muita atuação da comissão. Em julho realizou, em parceria com a CPP e os CAU São Paulo, Pará e Sergipe, o 1º Seminário Virtual em Arquitetura e Urbanismo; em novembro, o 1º Seminário Nacional de Urbanismo e, por fim, no mês de dezembro, lançou o CAU Educa, um projeto de educação urbanística e ambiental a ser desenvolvido com crianças do ensino fundamental.

 

Para o próximo triênio (2021-2023) um dos desafios da CPUA é fomentar políticas urbanas e ambientais por meio de convênios, parcerias ou projetos específicos.

 

Confira aqui a íntegra da apresentação da CPUA/CAU/BR

 

 

Mais sobre a III Conferência de Arquitetura e Urbanismo

III Conferência de Arquitetura e Urbanismo: Veja como foi o primeiro dia do evento

III Conferência: CEAU apresenta as ações realizadas entre 2018 e 2020

CAU/BR divulga vídeo para promover a equidade de gênero na cidade e no trabalho

CAU Educa levará educação urbana e ambiental para as escolas do ensino fundamental

CAU/BR lança documentário em defesa da Habitação Social como questão de saúde pública

Site oficial da III Conferência de Arquitetura e Urbanismo

 

 

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

NOTA DE ESCLARECIMENTO

CIDADES

Conferência das Cidades: espaço para discutir a implementação da política urbana para todo o país

CAU/BR

CAU/BR aponta protagonismo feminino na arquitetura e urbanismo durante 98º ENIC

CAU/BR

Comissões do CAU/BR debatem temas de interesse dos arquitetos e urbanistas

Pular para o conteúdo