CAU/BR

Evento da Comissão de Planejamento e Finanças sugere estratégias para o CAU em 2023

 

No segundo dia do Seminário da Comissão de Planejamento e Finanças do CAU Brasil 2022, conselheiros e servidores do CAU Brasil e dos CAU/UF promoveram um mapeamento geral dos desafios e sugeriram estratégias de atuação para o futuro. Mais de 150 participantes de todo o país promoveram um grande “brainstorm” de ideias.

 

Esse primeiro esforço de diagnóstico vai ajudar na elaboração do Planejamento Estratégico do CAU 2023-2033. Objetivo é unificar esforços e ganhar eficiência na valorização, regulamentação e fiscalização da Arquitetura e Urbanismo, após os dez primeiros anos de funcionamento desde a criação do conjunto autárquico.

 

Veja como foi o primeiro dia do evento

 

Como no caso do projeto CAU Compartilha, plataforma que vai organizar todas as iniciativas e investimentos em objetivos comuns, promovidos pelos CAU/UF. “Existem várias iniciativas, o espírito é reconhecer todos as iniciativas que temos e ver o que a gente consegue compartilhar”, afirmou a vice-presidente do CAU Brasil e coordenadora da Comissão de Planejamento e Finanças, Daniela Sarmento.

 

Vice-presidente do CAU Brasil, Daniela Sarmento (ao centro), conversa com representantes dos CAU/UF

 

SUGESTÕES
Nesta quinta-feira, 19 de agosto, conselheiros e servidores apontaram prioridades e soluções para o planejamento estratégico do CAU Brasil e dos CAU/UF. Divisão de recursos entre os estados, via Fundo de Apoio, e ações de cobrança e dívida ativa são as principais ações executadas atualmente e que devem continuar em 2023, de acordo com os participantes do evento.

 

Como sugestões, surgiram a promoção de comunicação contínua sobre as possibilidades de pagamento da Anuidade do CAU, e a realização de estudos de viabilidade técnica no SICCAU antes de se efetivar alterações em resoluções e normas.

 

Participantes sugeriram estratégias de atuação para o CAU Brasil e os 27 CAU/UF

 

Definir indicadores ligados a resultados práticos e não-financeiros, separar planejamento estratégico do planejamento orçamentário e a criação de um sistema unificado para cobrança forma outras iniciativas sugeridas.

 

Na segunda-feira, 22 de agosto, haverá mais um encontro do Seminário, com a apresentação dos resultados dos dois primeiros dias de debate.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

Nota Oficial: SICCAU

EVENTOS

Estão abertas as inscrições do 7º Congresso Internacional de Arquitetura da Paisagem

CAU/BR

CAU/BR reforça laços com parlamentares federais para fortalecer pautas da categoria

CAU/UF

Conselho de Arquitetura e Urbanismo do RN anuncia concurso público para níveis médio e superior

Pular para o conteúdo