ARQUITETOS EM DESTAQUE

Falece aos 74 anos Jean-Louis Cohen, referência no estudo de arquitetura e urbanismo do século XX

 

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil registra com pesar o falecimento dia 7, aos 74 anos, Jean-Louis Cohen, arquiteto, historiador e curador francês unanimemente considerado uma das maiores autoridades na história da arquitetura e do urbanismo do século XX. Cohen foi co-curador da exposição “Geografias Construídas: Paulo Mendes da Rocha”, na Casa da Arquitectura, em Matosinhos (Portugal).

 

Nome de referência no estudo da obra de Le Corbusier, Jean-Louis Cohen foi o responsável entre 1998 e 2003 pelo projeto da Cité de l’architecture et du patrimoine, em Paris, inaugurada em 2007. Docente em várias escolas de arquitetura França e da New York University Institute of Fine Arts), deu aula na FAU/USP em 2008 sobre a formação das cidades de Los Angeles, Tóquio e Berlim. Foi autor de cerca de 40 livros, tendo recebido, em 2001, a Ordem das Artes e Letras do Governo francês.

 

Na exposição sobre Paulo Mendes da Rocha, Cohen trabalhou com Vanessa Grossman na construção da mostra e do catálogo, e com Catherine Otondo (atual presidente do CAU/SP) e Nuno Sampaio (diretor da Casa da Arquitectura), no programa paralelo dedicado a Paulo Mendes da Rocha.

 

“Era uma dessas pessoas que a gente podia chamar de gigante”, afirma a presidente do CAU/SP, Catherine Otondo. “Ele tinha uma erudição sobre a Arquitetura e Urbanismo, sobretudo o lugar da disciplina dentro do campo da cultura. Sabia muito de arquitetura moderna”.

 

Da época da montagem da exposição sobe Paulo Mendes da Rocha, Catherine ressalta o rigor metodológico-científico do colega. “Ele tinha uma exigência com saber e com conhecimento que demonstrava o respeito com o trabalho. Por outro lado, era uma pessoa de um coração enorme, muito generoso e com gosto em transmitir o seu conhecimento”, conta.

 

“Amigo pessoal de Mendes da Rocha, Jean-Louis Cohen marcou todos os que na Casa da Arquitectura se cruzaram com ele durante este período pelo seu inexcedível rigor, profissionalismo e exigência, mas também pela extraordinária amabilidade que o caracterizava”, afirma comunidado da Casa da Arquitectura.

 

Jean-Louis Cohen foi curador de outras muitas e importantes exposições no Museum of Modern Art, Canadian Centre for Architecture, Centre Georges Pompidou, Cité de l’architecture et du patrimoine e MAXXI, entre outros.

 

Colegas e admiradores de todo mundo estão lotando as redes sociais de mensagens sobre a convivência com ele.

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ARQUITETOS EM DESTAQUE

Projeto brasiliense ganha destaque Internacional no Prêmio ArchDaily Edifício do Ano 2024

ARQUITETOS EM DESTAQUE

Arquiteto Washington Fajardo vai atuar na Divisão de Habitação e Desenvolvimento Urbano do BID

ARQUITETOS EM DESTAQUE

Arquitetura Modernista: New York Times indica Brasília como um dos melhores lugares para visitar 2024

ARQUITETOS EM DESTAQUE

Conheça os profissionais premiados pelo CAU Brasil no Dia do Arquiteto e Urbanista 2023

Pular para o conteúdo