CATEGORIA

Goiânia sediará Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social

Será realizado nos dias 7 e 8 de junho, em Goiânia, o 63º Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social, que tem como objetivo central tratar do tema “desafios para os gestores públicos de habitação diante do ambiente econômico de escassez de recursos e as perspectivas para a saída da crise”. O Fórum é uma iniciativa da Associação Brasileira de Cohabs e do Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano.

O evento traz um novo formato que é aplicado desde 2010, com a reunião de gestores públicos de todo Brasil, assim como representantes da sociedade civil para tratar os temas mais relevantes para o setor.

O tema será debatido entre gestores públicos pertencentes às três esferas do governo (União, Estados e Municípios), além da participação ativa dos representantes da sociedade. Serão debatidas alternativas para o atendimento à população na situação atual.

Paralelas ao debate principal serão apresentadas experiências que estados e municípios desenvolvem para a produção e apoio de moradia, e os recursos que utilizam para melhorar as condições de habitação, além de identificar os desafios enfrentados para a realização dos projetos.

Será tratado também o cenário atual de produção do PMCMV e as perspectivas a curtos e médios prazos para o resgate de níveis adequados de investimentos.

 

Confira a programação abaixo:

Programação prévia sujeita a alteração

Dia 07 de junho – 3ª feira

09h00 – 12h30 – Apresentação dos Projetos vencedores na Categoria Relevância Urbana e Social

  • Cidade do Povo – SEHAB/AC
  • Vilas Quilombo – COHAB-CP/SP
  • Parque Residencial Caramujo – SMH – Prefeitura Municipal de Niterói/RJ
  • Urbanização da Vila Jardim Acrópole – COHAB-CT/PR
  • Urbanização Integrada de Encostas – prevenção de riscos de desastres naturais na Região Metropolitana de Salvador/Bahia – CONDER/BA
  • Vila Hípica do Cristal – DEMHAB-POA/RS

14h00 – 16h00 – Apresentação dos Projetos vencedores na Categoria Ações e/ou Programas estruturantes no âmbito da gestão pública para o atendimento à habitação de interesse social

  • Viver Belém – Rural: SEHAB – Belém/PA
  • Inscrição Compartilhada – Transparência na Seleção da Casa Própria – SEHAB/MS
  • Gestão Integrada de Empreendimentos Habitacionais de Interesse Social – COHAB-LD/PR
  • Fique em Dia – CDHU/SP

16h30 – 18h30 – Mesa de Diálogo: Enfrentando a crise com criatividade

  • Cheque mais Moradia do Estado de Goiás;
  • Parceria Público-Privada no Estado de São Paulo
  • Fundos Estaduais para construção de moradias no Estado do Paraná

18h30 – Atividade Cultural

 

Dia 08 de junho – 4ª feira

08h30 – 10h00 – Apresentação dos Projetos vencedores na Categoria Projetos de atendimento à população da zona rural

  • Cheque Moradia Rota Turística – COHAB/PA

Categoria Projetos de Trabalho Social

  • Uma Experiência de Trabalho Social com Regularização Fundiária Plena – AGEHAB/GO

10h00 – 12h30: Mesa de Diálogo – Avanços e Desafios da Regularização Fundiária no Brasil

  • As parcerias bem sucedidas no Estado de Goiás, com a participação do Ministério Público e do Poder Judiciário
  • As novas propostas de alteração do marco regulatório, com a participação do Ministério das Cidades

Eventos paralelos

  • 13h30 – 15h00: O Trabalho Social no PMCMV
  • 13h30 – 15h00: Experiências exitosas de habitação nos municípios de Goiás e Métodos construtivos inovadores
  • 14h00 – 15h30: Mesa de Diálogo – O PMCMV: cenário atual e perspectivas
  • 16h00 – 18h30: SESSÃO SOLENE COM A PRESENÇA DE AUTORIDADES E OUTORGA DO TROFÉU AOS VENCEDORES DO PRÊMIO SELO DE MÉRITO 2016

 

Para mais informações clique aqui e acesse o site do evento.

 

FONTE: FNHI

 

Publicado em 02/06/2016

MAIS SOBRE: CATEGORIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

ACERVOS

Seminário TOPOS:  CAU/BR e FAU/UnB promovem debate sobre a importância de acervos e arquivos de urbanismo no país 

#MulherEspecialCAU

“Arquiteta, na solidão da sua profissão, seu nome pede valorização!”, defende Tainã Dorea

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

Pular para o conteúdo