CATEGORIA

HuffPost ressalta trabalhos de arquitetos em habitação de interesse social

O site HuffPost Brasil, da Editora Abril,  publicou reportagem sobre o apoio que os moradores da região de Heliópolis, em São Paulo, recebem do projeto Habitat na Comunidade da ONG Habitat para a Humanidade. O projeto oferece uma consultoria de arquitetura e crédito para reformas em moradias autoconstruídas de famílias em situações insalubres e de vulnerabilidade social. Presente em outros seis estados, o Habitat na Comunidade acontece desde 2013 em Heliópolis, onde mais de 760 famílias já tiveram suas casas reformadas.

 

sem-titulo

 

A partir da inclusão no programa, a família recebe visitas técnicas para a elaboração de diagnóstico, definição da obra a ser executada e apresentação do orçamento.

 

O valor total da obra é repartido entre a ONG e o morador contemplado, que deverá arcar com 30% da reforma, podendo pagar em até 18 parcelas. O financiamento é administrado por uma organização social local, a UNAS. Os outros 70% ficam a cargo da Habitat, que consegue captar recursos com a iniciativa privada.

 

A reportagem que tem como titulo, “Arquitetos transformam a casa e a vida de famílias pobres de Heliópolis, em São Paulo”, também conta a história da arquiteta Mariana Estevão, especializada em saúde pública. A arquiteta criou a ONG Soluções Urbanas e o Arquiteto de Família, programa iniciado em 2009 no Morro Vital Brasil, em Niterói (RJ), com apoio do Instituto Vital Brasil e agora, trabalha como diretora de projetos na Habitat para a Humanidade em São Paulo. “As famílias me chamavam para ver como eram as suas casas, e eu ficava angustiada. Não concebia como as pessoas moravam naquela condição e não tinham a consciência de que a insalubridade poderia levar a riscos à saúde e acidentes”, ressalta.

 

 

Acesse a integra da matéria clicando aqui.

 

 

Publicado em 04/11/2016

MAIS SOBRE: CATEGORIA

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

ACERVOS

Seminário TOPOS:  CAU/BR e FAU/UnB promovem debate sobre a importância de acervos e arquivos de urbanismo no país 

#MulherEspecialCAU

“Arquiteta, na solidão da sua profissão, seu nome pede valorização!”, defende Tainã Dorea

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

Pular para o conteúdo