Relações Internacionais

III Fórum Internacional: Arquitetos e urbanistas fazem visita técnica à Itaipu Binacional

 

Como parte do III Fórum Internacional de Conselhos, Ordens e Entidades de Arquitetura e Urbanismo do CAU Brasil, realizado em Foz do Iguaçu (PR), arquitetos e urbanistas de todo o país realizaram uma visita técnica à Usina Hidrelétrica de Itaipu. Com 20 unidades geradoras e 14 gigawatts (GW) de potência instalada, Itaipu é a maior geradora de energia limpa e renovável do planeta. 

 

Os profissionais conheceram a estrutura da barragem, que armazena a água, e a Casa de Máquinas, onde os equipamentos geram a energia. A barragem tem 166 m de altura, equivalente a um prédio de 65 andares, e 8 km de extensão. Porém, apenas 2,7 km são feitos de concreto , o resto é feito com recursos naturais. A queda da água, cuja força da correnteza roda as turbinas, tem 120 metros de altura. 

 

Em formato piramidal, a estrutura de Itaipu faz com que o peso da água vá direto para a base. É uma pirâmide vazia, conhecida como Catedral de Concreto. Mais de 3.000 instrumentos de monitoramento são usados para fazer a inspeção da estrutura, que tem uma vida útil prevista de 200 anos. 

 

 

Um dos canais da água é conhecido como Rio de Águas Bravas. É muito utilizado na prática de esportes náuticos e já foi eleito pela Confederação Brasileira de Canoagem com alguns dos melhores lagos para a prática, já tendo sido usado como sede dos Jogos Sul-Americanos. 

 

Empresa Itaipu Binacional tem mais de 3.000 funcionários brasileiros e paraguaios. Na época o pessoal da construção, Foz do Iguaçu era uma cidade com 33.000 habitantes que de repente recebeu 40.000 trabalhadores para a construção da usina. 

 

Hoje, o papel da Itaipu está se transformando. Com a variedade de modelos de geração de energia, sua função é dar estabilidade ao sistema. Importante lembrar que Itaipu só gera energia, a distribuição é feita por outras empresas, como as Centrais Elétrica de Furnas. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

Relações Internacionais

Nadia Somekh, ex-presidente do CAU/BR, visita sede da União Internacional de Arquitetos em Paris

Relações Internacionais

Acordo Brasil/Alemanha promove regulamentação, mobilidade profissional e sustentabilidade na arquitetura

Mobilidade profissional

Acordo de reciprocidade permite que profissionais de arquitetura trabalhem em Portugal. Conheça as regras

Relações Internacionais

III Fórum Internacional: CAU Brasil assina acordos com Ordens de Arquitetos de Angola e Cabo Verde

Pular para o conteúdo