CATEGORIA

Inscrições para o Concurso Nacional de Projetos de Arquitetura para o Sol Nascente

Termina no dia 20 de janeiro o prazo para que os interessados participem do Concurso Público Nacional de Projetos de Arquitetura e Complementares para Edifícios de Uso Misto, com Unidades Habitacionais e Comércio, no Setor Habitacional Sol Nascente, Trecho 02, na Região Administrativa de Ceilândia – RA IX. As inscrições podem ser feitas por meio do endereço www.codhab.df.gov.br/concursos/eum-sol-nascente-quadra-105/inscricao.

 

O Concurso visa selecionar o melhor e mais adequado Projeto visando à contratação da equipe técnica por ele responsável, que formalizará contrato com a entidade promotora para desenvolvimento do Projeto Completo para o objeto do Concurso, isto é, para Unidades Habitacionais Coletivas no Setor Habitacional Sol Nascente – Quadra 105, na Região Administrativa de Ceilândia – RA IX.

 

O resultado será divulgado no dia 10 de fevereiro, em ato público com a presença da Coordenação do Concurso e da CODHAB-DF, e posteriormente no site oficial do Concurso. A divulgação poderá ser acompanhada ao vivo pelo facebook da Companhia.

 

Julgamento

 

O julgamento das propostas enviadas será realizado por uma comissão julgadora que seguirá critérios como conceito e inovação; adequação às normas; clareza; sustentabilidade socioambiental; contextualização urbana; acessibilidade, inclusão e adequação social; aspectos plásticos, éticos e estéticos, uma vez obedecidas as indicações e as determinações do conjunto de documentos intitulados Bases do Concurso, conforme discriminado no Edital.

 

 

Publicado em 04/01/2017. Fonte: Codhab-DF.

MAIS SOBRE: CATEGORIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

ACERVOS

Seminário TOPOS:  CAU/BR e FAU/UnB promovem debate sobre a importância de acervos e arquivos de urbanismo no país 

#MulherEspecialCAU

“Arquiteta, na solidão da sua profissão, seu nome pede valorização!”, defende Tainã Dorea

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

Pular para o conteúdo