CATEGORIA

José Roberto Bernasconi é reeleito para a presidência do Sinaenco

 

O engenheiro José Roberto Bernasconi foi reeleito para a presidência do Sinaenco (Sindicato da Arquitetura e da Engenharia) para o biênio 2016-2017. Esta será a quarta gestão de Bernasconi à frente da diretoria nacional do Sinaenco, sindicato patronal que hoje representa nacionalmente mais de 25 mil empresas de arquitetura e de engenharia de projetos, gerenciamento, fiscalização, aerofotogrametria, entre outras.

 

Crise
A nova gestão terá imensos desafios pela frente, na avaliação do presidente reeleito do Sindicato. “O país vive uma profunda crise política-institucional e econômica, que se arrasta desde o segundo semestre de 2014 e se intensificou em 2015, sem previsão de se encerrar no curto prazo. E a crise afetou de forma bastante intensa a cadeia produtiva da construção civil em geral e o setor de arquitetura e engenharia consultiva em especial”, avalia Bernasconi, lembrando que o setor vem perdendo empresas e postos de trabalho. “A arquitetura e a engenharia consultiva brasileira estão perdendo empresas e quadros, equipes duramente recompostas após as décadas perdidas de 1980-1990 e formadas por profissionais altamente qualificados que estão sendo dizimadas. Esta é uma perda de inteligência, de competitividade para o país.”

 

Desafios
Para Bernasconi, o Sinaenco Nacional e as 12 diretorias regionais da entidade deverão enfrentar enormes desafios neste próximo biênio, entre eles, o de fazer com que a importância do projeto de arquitetura e de engenharia seja compreendida pelos contratantes, especialmente os gestores públicos, como o único e insubstituível instrumento para a realização de obras de qualidade, executadas ao custo e no prazo previstos. “Isto exige a mudança de cultura dos gestores públicos, que precisam compreender que o bom projeto é um forte aliado da administração correta e eficiente, de obras de qualidade em benefício da sociedade. E, assim, é inadmissível a extensão do Regime Diferenciado de Contratações, o RDC, em sua modalidade contratação integrada para toda obra pública federal, estadual e municipal, como recentemente aprovado pelo Congresso e sancionado pela presidente Dilma Rousseff”, explica Bernasconi

 

Confira o discurso do presidente

 

Publicado em 02/12/2015.

Atualizado em 10/12/2015

Fonte: Sinaenco

MAIS SOBRE: CATEGORIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

ACERVOS

Seminário TOPOS:  CAU/BR e FAU/UnB promovem debate sobre a importância de acervos e arquivos de urbanismo no país 

#MulherEspecialCAU

“Arquiteta, na solidão da sua profissão, seu nome pede valorização!”, defende Tainã Dorea

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

Pular para o conteúdo