HOMENAGEM

Morre o arquiteto espanhol Ricardo Bofill, expoente da escola pós-modernista

 

Ricardo Bofill, arquiteto espanhol que se tornou um dos mais conhecidos expoentes da escola pós-modernista de Arquitetura, faleceu na sexta-feira em Barcelona, vítima da covid-19. Ele tinha 82 anos e uma carreira marcada pela inovação e pela ousadia. Projetou o Aeroporto de Barcelona, o Teatro Nacional da Catalunha (ambos na Espanha), conjuntos habitacionais na França, arranha-céus nos Estados Unidos e obras icônicas em Portugal.

 

O escritório RBTA, fundado por ele em 1963 e hoje administrado por seus filhos Ricardo Emilio e Pablo, destacou em nota a capacidade de Bofill de “questionar o pensamento dominante na arquitetura. [Seus trabalhos] atravessam muitos estilos e expressões, conectam-se ao contexto, apresentando uma forte dose de inovação e risco”.

 

Aeroporto de Barcelona (Espanha)

 

Seu estilo pós-moderno da arquitetura contemporânea mantém as linhas claras do estilo moderno, mas abandona as formas frias que caracterizam outras tendências modernas. Faz isso incorporando nos seus edifícios elementos clássicos, como colunas ou arcos. Boffil é autor de uma extensa obra teórica, e entre os muitos livros que escreveu destacam-se Espacio y vida, La ciudad del arquitecto e El dibujo de la ciudad.

 

Conjunto habitacional Muralha Vermelha (Espanha)

 

Em uma conferência em Barcelona, em junho de 2021, ele tentou resumir o segredo de seu sucesso. “O que eu sei fazer, o que eu acho que sei fazer, são duas coisas: uma, o desenho urbano. Fiz muito desenho urbano, desenho de cidades. É disso que eu gosto. E tentar inventar linguagens arquitetônicas diferentes e não repetir nunca”.

 

 

O RBTA anunciou um ato público, a ser realizado nos próximos dias 26 e 27 de janeiro em sua sede em Barcelona, aberto àqueles que quiserem homenagear Bofill.

 

 

MAIS SOBRE: HOMENAGEM

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

HOMENAGEM

Sede da Suframa, projeto de Severiano Porto, completa 50 anos nesta quarta-feira

HOMENAGEM

Falece arquiteto e urbanista argentino-brasileiro Ricardo Monti

HOMENAGEM

Falece José Celso Martinez Corrêa, diretor de teatro e defensor do patrimônio brasileiro

HOMENAGEM

O histórico encontro de Pelé, “o Oscar do futebol”, com Niemeyer , “o Pelé da Arquitetura”, em 2010

Pular para o conteúdo