ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Nações Unidas procuram especialista em Construções Sustentáveis em Mato Grosso

 

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) está contratando especialista em Construções Sustentáveis para assessorar o programa Parceria para Economia Verde em Mato Grosso. O programa vai promover a realização de construções verdes e inteligentes em edifícios administrativos, com redução e otimização do consumo de materiais e energia na fase projetual e durante a execução das obras, redução dos resíduos gerados e contribuam na preservação do ambiente natural e na melhoria da qualidade do ambiente construídos.

 

Acesse aqui o Edital do PNUD

 

Os candidatos interessados deverão encaminhar, via e-mail, proposta técnica (Currículo), metodologia de trabalho e proposta de preço para os seguintes produtos: relatório das experiências estaduais, nacionais e/ou internacionais sobre Construções Verdes; relatório contendo os parâmetros e diretrizes para a construção e reforma de edificações administrativas públicas sustentáveis no estado do Mato Grosso; e Cartilha sobre Construções Verdes no Mato Grosso.

 

ATENÇÃO: Prazo para recebimento de propostas termina na próxima quinta-feira, 6 de agosto. 

 

REQUISITOS PARA OS CANDIDATOS

É preciso possuir nível superior em Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Ambiental, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica ou similares; registro válido no respectivo Conselho Profissional; experiência profissional na área de construções sustentáveis com mínimo de 7 anos comprovados; apresentar CAT de no mínimo 3 projetos certificados com selo ambiental de construção sustentável; e certificado profissional reconhecido em selos de certificação de construções sustentáveis.

 

São requisitos desejáveis/pontuáveis: pós-graduação em área relacionada ao tema; experiência em elaboração de projetos, estudos, avaliações, pesquisas e/ou diagnósticos de políticas para construções verdes; e publicações em temas relativos à sustentabilidade na construção civil.

 

O PROGRAMA PARCERIA PARA ECONOMIA VERDE

O Parceria para Economia Verde é coordenado pelo arquiteto e urbanista Eduardo Chiletto, ex-conselheiro do CAU/BR, e se baseia na Estratégia Produzir, Conservar e Incluir (PCI), vinculando o aumento de produtividade com a conservação ambiental e a inclusão social. O Estado de Mato Grosso é a única unidade da federação brasileira integrante da Parceria para Ação em Economia Verde, um programa da OrganizaçãO das Nações Unidas (ONU) para favorecer a transição para economias mais inclusivas, utilizando os recursos naturais de maneira mais eficiente, com baixas emissões de carbono, promovendo tecnologias limpas, visando à sustentabilidade ambiental e à geração de empregos verdes inclusivos.

 

Dentre os produtos estabelecidos pela parceria, destaca-se o desenvolvimento de parâmetros e diretrizes para a construção e reforma de edificações administrativas públicas (administração direta) sustentáveis no Estado nas áreas de conservação de energia elétrica e eficiência energética, bem como de aumento da eficiência do uso da água e dos recursos hídricos.

Uma resposta

  1. Ótima iniciativa para trabalhar com as variáveis da sustentabilidade construtiva em áreas urbanas, e seu link com o poder público.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

CAU/BR aponta protagonismo feminino na arquitetura e urbanismo durante 98º ENIC

CAU/BR

Comissões do CAU/BR debatem temas de interesse dos arquitetos e urbanistas

CAU/BR

CAU/BR celebra uma década dos primeiros empregados públicos efetivos

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

Pular para o conteúdo