CATEGORIA

Paulo Mendes da Rocha doa projeto à ‘Casa da Arquitectura’ em Portugal

Arquiteto e urbanista Paulo Mendes da Rocha é homenageado em Lisboa, Portugal

O arquiteto e urbanista Paulo Mendes da Rocha oficializou, na última quarta-feira (20/05), a doação do projeto do Novo Museu Nacional dos Coches à Casa da Arquitectura de Portugal. Na ocasião, Mendes da Rocha recebeu o título de membro honorário do CIALP (Conselho Internacional dos Arquitetos de Língua Portuguesa). Ele é o autor do projeto do Novo Museu, que será inaugurado nesta sexta-feira (22/05), data em que o museu celebrará 110 anos de existência. Ele é hoje o mais visitado de Portugal, contando com um acervo que abrange três séculos de História.

 

No mesmo dia, o arquiteto recebeu também o grau de doutor honoris causa da Universidade de Lisboa. Tido como expoente do pensamento estético da Escola Paulista e possuidor de uma brilhante carreira de dimensão internacional, ao receber o Prêmio Pritzker, em 2006, teve sua carreira analisada pelo júri como devota “à criação de uma arquitetura guiada pelo senso de responsabilidade aos habitantes de seus projetos assim como por uma sociedade mais abrangente”.

Paulo Mendes da Rocha recebe do presidente do CIALP, João Belo Rodeia a outorga de membro honorário. Divulgação: CIALP

TÉCNICA EMANCIPADORA E INSPIRADORA – O presidente do CIALP, o arquiteto português João Belo Rodeia, fez um discurso sobre o ingresso de Paulo Mendes da Rocha na organização, como membro honorário. Leia abaixo a íntegra:

 

“É em momentos como este que eu gostaria de ter as palavras mais certas que teriam de ser as mais generosas, as mais extraordinárias eas mais singulares.

 

Porque com elas surgiria o testemunho que aqui deveria fazer-se diante de um homem generoso com a arquitectura e com a humanidade, com uma obra tão extraordinária quanto singular. Não basta dizer-se que o arquitecto Paulo Mendes da Rocha é uma das mais personalidades mais marcantes da arquitectura contemporânea, e muito menos que é uma estrela de um céu já hoje tão estrelado que arrisca perder-se em vazio.

 

A sua é outra luz e de outra natureza. É a luz de uma pessoa de corpo inteiro que aprendemos a apreciar na sua inteligência aguda, na sua cultura ampla e na sua entrega à causa pública. É a luz de uma arquitectura que faz desta mesma dimensão pública a sua razão de ser e não se rende à injustiça ou ao entretenimento. É a luz desta mesma postura ética presente em toda a sua obra, sempre dirigida ao maior número e à busca de uma vida decente em espaço generoso, fluído e público. E é a luz de uma arquitectura em que a técnica mantém-se inspiradora e emancipadora em engenhos extraordinários, concentrando construção, espaço e forma em singularidade progressista e certeira, com tudo precisado no sítio certo em composição, justeza e proporção, como se tudo fosse tão simples quanto indivisível, como se tudo fosse evidente em si mesmo.

 

Paulo Mendes da Rocha inspira-nos no ar que respira, nas palavras que diz e na obra que gera. Para nós, os arquitectos de língua portuguesa, permanece e permanecerá como um exemplo incontornável do arquitecto entregue à Arquitectura, entregue à profissão e entregue à cidadania. 
Por estas razões, em reconhecimento do seu contributo à arquitectura contemporânea e à profissão de arquitecto, incluindo nos Países e Territórios de Língua Portuguesa, o CIALP decidiu outorgar-lhe a sua máxima distinção: o título de Membro Honorário. Agradecemos a Paulo Mendes da Rocha ter aceite esta nossa distinção e fazemos votos para que, durante muitos anos, continue a fazer de cada manhã um amanhã mais justo, mais fraterno e mais belo para o mundo e para este pequeno planeta onde todos vivemos”.

Banner de divulgação da Cerimônia de Doação. Divulgação: CIALP.

Publicado em 19/05/2015. Atualizado em 01/06/2015.

MAIS SOBRE: CATEGORIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

CATEGORIA

Seminário de Urbanismo debate Planos Diretores para novos tempos

CATEGORIA

Políticas urbanas e ambientais nas cidades brasileiras em pauta na Trienal

CATEGORIA

Seminário da AsBEA debate recuperação de imóveis subutilizados

Pular para o conteúdo