ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Presidente do CAU Brasil destaca avanços no SICCAU e na relação com o Congresso

 

 

Prioridade zero para os serviços tecnológicos prestados aos arquitetos e urbanistas. Compromisso assumido pela presidente do CAU Brasil, Nadia Somekh, no início da sua gestão, foi reforçado durante a 128ª Reunião Plenária do CAU Brasil, realizada no dia 22 de setembro em Brasília.

 

“Nós trabalhamos desde o início com um planejamento, onde a tarefa zero é melhorar o SICCAU. Deixar o sistema mais amigável, mais coerente e fazer os investimentos necessários”, afirmou Nadia. “Temos um projeto para a questão tecnológica. O mundo conteporâneo exige atualização e modernização recorrente.”

 

Esse esforço se concretizou com a queda de reclamações recebidas sobre o SICCAU. Segundo a Ouvidoria do CAU Brasil, o número de reclamações caiu pela metade em comparação com o ano passado. No dia 15 de setembro, de 250 demandas recebidas pela Central de Atendimento do CAU, nenhuma foi em relação ao sistema.

 

 

QUEDA NAS RECLAMAÇÕES
Em janeiro, as reclamações sobre o SICCAU correspondiam 15% do total de demandas recebidas pela Central de Atendimento. Em agosto, esse índice caiu para 2,7%. “Isso significa que o SICCAU está mais estável, com menos impacto no dia-a-dia dos arquitetos e urbanistas”, disse a ouvidora-geral do CAU Brasil, Ana Laterza.

 

Nos próximos meses, serão implementadas as novas regras de fiscalização, definidas pela Resolução CAU/BR Nº 198. “Vamos fazer essa mudança com todo o cuidado de treinamento e capacitação, organizado pela Comissão de Exercício Profissional (CEP)”, afirmou a presidente Nadia Somekh.

 

Outro ponto destacado por Nadia foi a Carta dos Arquitetos e Urbanistas aos Candidatos das Eleições 2022. “Nós lançamos o manifesto e entendemos que seria bom coletar a assinatura dos candidatos que apoiam a nossa agenda, e ampliamos isso para os arquitetos e urbanistas e para a sociedade. Entendemos que a nossa agenda ainda não é conhecida”, disse.

 

 

ABAIXO-ASSINADO
Na semana passada, o CAU Brasil e as entidades do CEAU (IAB, FNA, ABEA, AsBEA, ABAP e FeNEA) lançaram o “Abaixo-Assinado Por Cidades Justas e Moradias Dignas”, em apoio às propostas da Carta aos Candidatos. O documento está disponível na plataforma Change.Org.

 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR E ASSINAR

 

A presidente do CAU Brasil informou que o manifesto já tem mais de 3.000 assinaturas. “Vamos continuar com essa mobilização, temos dez dias para convencer nossos candidatos. Estamos trabalhando com os CAU/UF para disseminar esse abaixo-assinado pelo Brasil”, afirmou.

 

No dia 8 e 9 de outubro, os conselheiros do CAU Brasil e representantes do CEAU vão ao Congresso Nacional levar todas as assinaturas coletadas. “Precisamos ancorar os arquitetos no Congresso de forma mais orgânica, ampliar a nossa presença na sociedade”, disse Nadia.

 

 

ARQUITETOS NAS ELEIÇÕES
Por fim, a presidente do CAU Brasil destacou outras ações políticas que já apresentaram resultados concretos aos arquitetos e urbanistas brasileiros. “Quero lembrar que já conseguimos algumas vitórias. Conseguimos protocolar o projeto de lei do Microempreendedor Individual (MEP), estamos com outros conselhos apoiando o salário mínimo profissional, suspendemos PEC 108, que acabaria com poder fiscalizatório dos Conselhos”.

 

Nadia Somekh destacou a importância da participação dos arquitetos e urbanistas na política, tanto com seu saber técnico quanto com sua participação no debate público. Nestas Eleições, existem 48 arquitetos e urbanistas candidatos ao Congresso Nacional. “Arquitetos que quiserem votar em arquitetos, procurem esses candidatos em seus estados. E insistam para que eles assinem a Carta aos Candidatos”, recomendou a presidente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

SICCAU em Evolução: CAU Brasil e CAU/UF trabalham juntos para modernizar o sistema e corrigir erros

PLENÁRIAS

CAU Brasil realiza nesta sexta, 19/05, 44a. Plenária Ampliada reunindo conselheiros federais e presidentes

PLENÁRIAS

136ª Plenária Ordinária do CAU Brasil tratará do acordo de cooperação com Portugal

PLENÁRIAS

Acompanhe ao VIVO: 134ª Plenária Ordinária dias 16 e 17 de março

Skip to content