CAU/UF

Projeto Pensando Palmas pretende discutir soluções para problemas urbanos da Capital

Resultado das discussões ocorridas dentro da Comissão de Políticas Urbanas e Ambientais do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Tocantins – CAU/TO,  foi criado nesta  segunda-feira, 14, o projeto Pensando Palmas, que une órgãos  públicos e a sociedade civil organizada para discutir soluções para a questões urbanas da Capital do Tocantins.

 

 

Participaram do primeiro encontro, além do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Tocantins, representantes dos cursos de Arquitetura e Urbanismo do Centro Universitário Luterano de Palmas (CEULP), da Universidade Federal do Tocantins, do Ministério Público Estadual, e da Ordem dos Advogados do Brasil.

 

A finalidade do Pensando Palmas é criar um espaço de diálogo interdisciplinar e interinstitucional sobre Palmas com a intervenção de entidade, instituições, especialistas, professores e pessoas interessadas em discutir as diversas perspectivas e abordagens sobre a cidade, tendo como linha condutora a gestão participativa nas mais variadas ações governamentais.

 

“Pretende-se então construir, a partir das realizações de reuniões periódicas, uma agenda positiva para instrumentalizar e qualificar as discussões sobre a cidade, especialmente para o estabelecimento de ações interinstitucionais comuns”, explica o professor de Direito Urbanístico e integrante convidado da CPUA, João Aparecido Bazolli.

 

O Pensando Palmas deverá ser um espaço de debate para articular de maneira crítica e propositiva: ideias inovadoras; orientações conjuntas; propostas de soluções e estratégias, qualificações e outras ações para a construção coletiva de uma cidade democrática, múltipla, justa e livre, com a finalidade de garantir e ampliar o Direito à Cidade.

 

Nesta linha de pensamento a proposta observará o marco de irrestrito pluralismo, porém, respeitando a diversidade e autonomia dos participantes, e buscará estimular a expressão das distintas linhas e correntes de pensamento, provocando assim, um debate profícuo, frutífero e enriquecedor.

 

Inicialmente o Projeto realizará encontros mensais de debates temáticos, quando deverão ser apresentadas propostas de ações interinstitucionais dentre outras que se julgue necessário. O próximo encontro do Pensando Palmas está previsto para o dia 16 de Março, às 14, na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

 

Na avaliação da Coordenadora da CPUA, a conselheira do CAU/TO, Adriana Dias,  os participantes do Pensando Palmas integram outras comissões com temas afins e poderão contribuir significativamente em ações práticas, no processo do pensar a cidade. “Os encaminhamentos foram positivos para a próxima reunião quando os subgrupos apresentarão alguns pontos importantes que devem ser abordados. Em um próximo encontro contamos com a participação de todos, pois  a composição de uma equipe multidisciplinar enriquece esse processo, e a participação da população é fundamental”, frisou.

 

Fonte: CAU/TO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/UF

Conselho de Arquitetura e Urbanismo do RN anuncia concurso público para níveis médio e superior

ARQUITETOS EM DESTAQUE

Roberto Bratke, arquiteto que transformou a paisagem da zona sul de São Paulo, morre aos 88 anos

ASSESSORIA PARLAMENTAR

NOTA OFICIAL: Esclarecimentos sobre o PL 2081/2022

CAU/UF

Profissionais debatem os desafios das arquitetas e arquitetos negros

Pular para o conteúdo