CATEGORIA

Projetos de destaque

Rosa-kliass-banner-menor

 

 

Rosa Kliass é a responsável pela criação de vários cartões postais no Brasil. Confira algumas obras da Arquiteta e Paisagista:

 

Vale do Anhangabaú, São Paulo (SP)

 

Por conta dos atropelamentos recorrentes de pessoas que atravessavam o Vale do Anhangabaú, no centro de São Paulo, em 1981, a Prefeitura de São Paulo promoveu um concurso público que tinha o objetivo de reurbanizar a área. Realizado pelo IAB, o concurso contou com 153 inscritos e 93 projetos entregues.  O concurso foi ganho pelo escritório de Jorge Wilheim, que convidou Rosa Kliass e posteriormente Jamil Kfouri para integrarem a equipe como paisagistas.

 

A solução encontrada pelos profissionais foi a criação de um parque de 8 hectares para uma população usuária do centro de cerca de 2 milhões.Para criar o espaço, a solução principal foi o afundamento do fluxo do trânsito, que garantia a conexão norte-sul da cidade.

 

Foto: Luis Esnal
Foto: Luis Esnal

 

 

Parque da Juventude, São Paulo (SP)
O Parque da Juventude, localizado em São Paulo, também é uma grande obra de Rosa Kliass, que conta com 240 mil m² , reduzidos no decorrer do projeto inicial que antes era de 427 mil m². O projeto faz parte do concurso ganho pelo escritório Aflalo & Gasperini para urbanização da área ocupada pela antiga Casa de Detenção do Carandiru, na zona norte da cidade. Inaugurado em 2003 e concluído em 2007, o projeto foi premiado pela Bienal de Arquitetura de Quito em 2004, uma das muitas premiações de sua carreira.

 

Foto: Nelson Kon
Foto: Nelson Kon

 

Parque das Garças, Belém (PA)

 

Ás margens do rio Guamá, no entorno do Centro Histórico de Belém, fica localizado o Parque Naturalístico Mangal das Garças, com cerca de 40 mil m². O parque apresenta uma síntese do ambiente amazônico, com matas de terra firme, de várzea e campos. A história do parque conta que ele foi preparado para que houvesse a união da preservação da natureza, pedagogia e lazer, deixando o espaço com a possibilidade de exploração visual e dinâmica, proporcionando ao visitante um convívio com o ambiente, sem destruí-lo.

 

1
Foto: Divulgação RGK

 

Parque do Forte, em Macapá (AP)
Em Macapá encontra-se outra importante obra da arquiteta e paisagista Rosa Kliass, o Parque do Forte. Inaugurado em 2006, o Parque do Forte foi planejado para ser construído em torno da Fortaleza de São José do Macapá, que foi erguida no século XVIII. Localizado à beira do Rio Amazonas, o parque conta com decks panorâmicos que possibilitam ampla visão do rio. Entre uma das obras mais importantes de Rosa, o parque foi carinhosamente apelidado pela população macapaense de “lugar bonito”, fazendo jus ao que os olhos veem ao dar de encontro com as belezas do local.

 

 Foto: João Ramid
Foto: João Ramid

 

 

Parque Memorial Madeira Mamoré – Porto Velho (RO)
O projeto do Parque Memorial Madeira Mamoré visa a renovação de uma área ligada ao Patrimônio Nacional Paisagístico, Histórico e Cultural. A criação do parque teve como foco o resgate da Ferrovia Madeira Mamoré, além da recuperação de condições geoecológicas e arqueológicas do sítio dos igarapés do rio Madeira.

 

Foto: Divulgação IAB
Foto: Divulgação IAB

 

Estação das Docas, Belém (PA)
O antigo armazém, onde era o porto fluvial da cidade, se manteve intocado durante o processo de restauração e hoje abriga restaurantes, bares, lojas e um teatro, com janelas de vidro e ar-condicionado como novidades. Hoje, são 32 mil metros quadrados abertos ao público e há um terminal para embarque e desembarque de passageiros e houve a reabilitação da antiga faixa portuária de Belém. O projeto paisagístico

 

Foto: Giovani Sarquis
Foto: Giovani Sarquis

 

Feliz Lusitânia, Belém (PA)
Em 1616, os colonizadores portugueses deram nome de Feliz Lusitânia ao núcleo inicial de Belém. Localizado na área mais antiga da cidade, dentro do Complexo o Forte do Presépio há a praça Dom Frei Caetano Brandão, a Casa das Onze Janelas, a Igreja de Santo Alexandre com o Museu de Arte Sacra e a Catedral Metropolitana de Belém.

 

Foto: Giovani Sarquis
Foto: Giovani Sarquis

 

Parque da Residência, Belém (PA)
No início do século XX, em um terreno na antiga Avenida Independência, foi construído o Palacete Residencial com recursos neoclássicos em uma mistura com vários outros estilos e decoração. No projeto paisagístico, foram criados vários ambientes, entre eles um orquidário, na entrada pela Avenida Magalhães Barata. Há também o pavilhão Frederico Rhossard, que é utilizado para lançamentos de livros e apresentações musicais. Ao lado, tem a Praça das Águas, com uma fonte e chafariz. No local existe árvores que em geral alcançam 20 metros de altura de espécies variadas, como mangueiras, seringueiras, jambeiros e cupuaçuzeiros .

 

Foto: Giovani Sarquis
Foto: Giovani Sarquis

 

Por Gabriella Bertoni e Jéssica Luz, com supervisão de Júlio Moreno

 

Acesse:

 

São Paulo homenageia Rosa Kliass, a grande dama da Arquitetura Paisagística

 

Rosa Kliass: uma aula magna no cerrado

 

Entrevista exclusiva de Rosa Kliass para o portal Arquitetura para Todos

 

“Ao fazer uso dos espaços da cidade, o paulistano, avaliza a minha intervenção na paisagem de SP”, diz Rosa Kliass – Cerimônia de entrega do título de Cidadã Paulistana

 

“Em defesa do projeto, Rosa Kliass nunca se rendeu ao mercado”, relata Nina Vaisman sobre Rosa Kliass – Cerimônia de entrega do título de Cidadã Paulistana

 

Segundo Rafael Birmann, “Não adianta discutir com a Rosa. Ainda bem: ela sempre tem razão, o projeto fica melhor”  – Cerimônia de entrega do título de Cidadã Paulistana

 

Links relacionados

 

 

 

 

Publicado em 07/06/2016

 

MAIS SOBRE: CATEGORIA

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CATEGORIA

Fórum de Presidentes do CAU/BR cumpre extensa pauta em Belo Horizonte (MG)

ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Central de Atendimento do CAU/BR não funcionará na Sexta-feira Santa

ACERVOS

Seminário TOPOS:  CAU/BR e FAU/UnB promovem debate sobre a importância de acervos e arquivos de urbanismo no país 

#MulherEspecialCAU

“Arquiteta, na solidão da sua profissão, seu nome pede valorização!”, defende Tainã Dorea

Pular para o conteúdo