Assistência Técnica

SASC viabiliza oficina de capacitação para ATHIS em Florianópolis

O Sindicato dos Arquitetos e Urbanistas no Estado de Santa Catarina (SASC), em uma parceria como o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-SC), através do GT Habitação, viabilizará, em março deste ano, em Florianópolis (SC), a Oficina de Capacitação para Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social. A atividade faz parte de um projeto, já desenvolvido a cerca de um ano, que objetiva promover um ciclo de capacitação para o trabalho na área, através da formação de profissionais que devem integrar escritórios de Assistência Técnica. Os espaços serão construídos, posteriormente, para atender regiões de maior vulnerabilidade.

 

 

A realização da Oficina de Capacitação para Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social será possível graças a um aporte financeiro de R$ 11 mil doados pelo SASC, através do fundo de apoio disponibilizado pela Federação Nacional dos Arquitetos e Urbanistas (FNA) aos sindicatos. O investimento, que faz parte do valor arrecadado pela federação com a Contribuição Sindical Urbana, foi fundamental para que fosse atingida a segunda meta do projeto, que contempla mais de R$ 25,8 mil, arrecadados através do Benfeitoria – uma plataforma de financiamento coletivo.

 

O projeto será realizado através de visitas a uma comunidade carente de Florianópolis e o desenvolvimento de estudos sobre os problemas encontrados na região, com a definição de diretrizes de atuação, propostas e a construção de uma agenda para Assistência Técnica. A oficina será conduzida por quatro profissionais da ONG Peabiru.

 

De acordo com o vice-presidente do SASC, Everson Martins, a ideia do projeto é desenvolver um trabalho que atualmente não contempla as áreas de maior vulnerabilidade através da oferta de produtos como projetos de arquitetura, visitas de acompanhamento à obra e registros de responsabilidade técnica. Para a oficina, o SASC vai sortear duas vagas para a participação de arquitetos e urbanistas associados e que estejam em dia com suas responsabilidades sindicais. “A oficina é uma forma de alavancarmos o debate e buscarmos iniciativas para Assistência Técnica em Santa Catarina”, afirma.

 

A secretária de Organização e Formação Sindical da FNA, Fernanda Simon, destaca que a ideia da federação é contribuir para o fomento da discussão sobre Assistência Técnica. “A FNA tem protagonizado a discussão em âmbito nacional sobre a Assistência Técnica e, com esse projeto, busca também a implementação da lei em Santa Catarina”, explica. A partir da oficina inaugural, uma agenda sobre o assunto deve ser construída e novas ações serão viabilizadas.

 

A atividade é voltada a um público formado por profissionais das áreas de arquitetura e urbanismo, engenharia, serviço social, direito e comunicação, professores e pesquisadores de universidades, servidores públicos, estudantes e integrantes de movimentos sociais. Outras informações podem ser obtidas através do e-mail [email protected] ou na página da iniciativa no Facebook.

 

A Lei de Assistência Técnica 11.888/08, aprovada em 24 de dezembro de 2008, assegura o direito das famílias de baixa renda à Assistência Técnica pública e gratuita para o projeto e a construção de habitação de interesse social, como parte integrante do Direito Social à Moradia previsto no art. 6º da Constituição Federal. Conforme pesquisa realizada pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) e pelo Instituto Datafolha, cerca de 85,40% da população já fez algum serviço em sua residência por conta própria ou com pedreiros e mestres de obras, amigos e parentes. Apenas 14,60% contratou arquitetos ou engenheiros. Os resultados disso estão refletidos em espaços mal divididos, problemas construtivos, insalubridade, problemas de acesso, infraestrutura insuficiente de saneamento ou outras irregularidades.

 

Assista o vídeo sobre a oficina:

 

 

Fonte: FNA

 

 

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

Assistência Técnica

Comissão aprova relatório da Medida Provisória prevendo inclusão da assistência técnica no Programa Minha Casa, Minha Vida

Assistência Técnica

Nota Técnica do IPEA defende inclusão de melhorias habitacionais no programa “Minha Casa, Minha Vida”

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

Assistência Técnica

Tragédia no litoral paulista mostra que ATHIS é uma necessidade, afirma presidente Nadia Somekh

Pular para o conteúdo