CATEGORIA

Solenidade marcará outorga dos primeiros Certificados de Acreditação

No próximo dia 30 de julho, às 14 horas, em solenidade virtual a ser realizada durante a 103ª Plenária Ordinária, o CAU/BR fará a outorga do Certificado de Acreditação de curso de Arquitetura e Urbanismo às primeiras instituições de ensino superior que passaram pelo processo. A solenidade será transmitida, ao vivo, pelo canal do CAU/BR no YouTube.

 

O processo certifica a qualidade da formação profissional, considerando parâmetros e indicadores diversos como perfis da área, padrões de qualidade para os cursos de Arquitetura e Urbanismo, a atuação e mobilidade dos egressos no mercado de trabalho.

 

Os cursos foram avaliados considerando a totalidade do curso, incluindo o contexto institucional, projeto pedagógico, recursos humanos e condições de oferta, respeitando metodologias e abordagens locais, inovadoras e experimentais e conferindo maior destaque à qualidade e ao conteúdo também são considerados na acreditação.

 

Com a concessão do Certificado de Acreditação de curso de Arquitetura e Urbanismo, o CAU/BR busca valorizar e fomentar o constante aprimoramento da formação profissional do arquiteto e urbanista, fundamental para o desenvolvimento educacional, econômico, social, político e cultural do Brasil, em harmonia com os processos internacionais de acreditação. É importante ressaltar que o certificado não é um critério ou condição para a habilitação profissional.

 

A adesão do curso de Arquitetura e Urbanismo ao processo de acreditação é voluntária.

 

MAIS SOBRE: CATEGORIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

Assistência Técnica

Mais médicos/Mais arquitetos: mais saúde para o Brasil (artigo de Nadia Somekh no portal do Estadão)

CATEGORIA

Seminário de Urbanismo debate Planos Diretores para novos tempos

CATEGORIA

Políticas urbanas e ambientais nas cidades brasileiras em pauta na Trienal

CATEGORIA

Seminário da AsBEA debate recuperação de imóveis subutilizados

Pular para o conteúdo