ATENDIMENTO E SERVIÇOS

Tecnologia: CAU/BR lança aplicativo e-CAU no Google Play e Apple Store

 

 

Arquitetos e urbanistas de todo o país já podem baixar o aplicativo e-CAU, disponível no Google Play e Apple Store. Trata-de de um primeiro lançamento de uma série de novidades que estão sendo planejadas pelo Centro de Serviços Compartilhados (CSC) do CAU, com o objetivo de aprimorar a base tecnológica e os serviços oferecidos aos profissionais e à sociedade.

 

Nesta primeira versão, o aplicativo conta com algumas funções iniciais, que serão ampliadas nos próximos meses. Hoje são três funções:

 

  • Visualização dos dados cadastrais
  • Visualização da Carteira Profissional
  • Visualização do perfil do profissional no Ache um Arquiteto

 

Para ter acesso às informações o arquiteto e urbanistas deve, depois de baixar o aplicativo, habilitar o acesso com os mesmos login e senha que são utilizados para ter acesso ao SICCAU.

 

 

Na próxima fase, o aplicativo deve agregar algumas funções do ambiente público do SICCAU, como o Ache um Arquiteto e verificação de autenticidade da certidões.

 

Em caso de dúvidas, entre em contato com a Central de Atendimento do CAU:

 

Chat: https://caubr.gov.br/atendimento

Telefones: 0800-883-0113 (ligações realizadas a partir de telefones fixos) e 4007-2613

19 respostas

  1. Boa tarde,

    Aplicativo? Tem que ter no site ambiente de negócios e empregos, além do já “achei um arquiteto”, tem que ter local no site com as cotações de mão de obra e materiais da construção civil, tem que ter a cotação de custo por metro quadrado de construção, isso tem que ter, abraços a todos

    – AMS AU

  2. Tem que haver um ambiente para denuncias de exercício irregular, obras sem responsabilidade técnica e/ou sem reponsabilidade autoral com recursos de fotos e localização por GPS e, principalmente, gere meios e efetivo pessoal que verifique, constate e puna. Só assim vamos conseguir subjugar a concorrência desleal e incapaz e tornar a nossa profissão necessária.
    Aí sim teremos uma ferramenta eficiente.

    1. Concordo. A função principal do Conselho é de fiscalizar e de proteger a sociedade da prática ilegal e de maus profissionais. Portanto já que infelizmente essa não tem pessoal suficiente para isso, vejo como OBRIGAÇÂO da instituição criar meios para que nós que pagamos e também somos prejudicados quando da falha dessa, possamos contribuir para que essa fiscalização se efetive. Partindo da premissa que mais de 90% das construções no País são realizada por auto construção, perdemos a oportunidade de trabalho e o próprio conselho de arrecadar. Pensem nisso! Mais fiscalização + trabalho para a classe e consequentemente melhores construções para o País.

  3. É isso que eles fazem com as nossas anuidades, um app inutil cheio de erros…
    Por essas e outras eu vejo a criação do CAU como um tiro no pé, na vi vantagem para nós. Outra coisa, não bastasse a anuidade cara, ainda temos que pagar por RRT, nunca vi um medico pagando taxa para atender paciente ou receitar remedio…

  4. Será que vcs podem me explicar, pq baixei no app o aplicativo, conforme orientado, porem quando vou entrar, digito meu cpf e senha, aparece uma mensagem dizendo: Profissional sua carteira ainda não foi gerada. Solicite a carteira. Quem pode me explicar, que raio de carteira é essa, pois a minha está aqui na minha mão. Se for uma carteira digital, quem foi o inteligente que fez as orientações de uso aplicativo, que não colocou a opção de fazer carteira digital, lá no início das orientações??? É isso ???

  5. Uma vergonha ate hoje o mobiarq estar desatualizado e divulgarem esse aplicativo simplório, onde esta a fiscalização por parte da sociedade? Para que existe esse conselho? Mais do mesmo do CREA.

    1. Emiliano, o CAU/BR e os CAU/UF existem desde 2011, tendo criado o SICCAU, Tabela de Honorários, Código de Ética, Resolução sobre Direitos Autorais, Resolução sobre Atividades Privativas de Arquitetos e Urbanistas, Site Ache um Arquiteto, desenvolveu campanhas nacionais de valorização profissional e têm lutado no Congresso Nacional pelo planejamento correto de nossas cidades, entre outras ações. O CAU/BR promove ainda diversas ações objetivando a valorização da Arquitetura e do Urbanismo no Brasil, por meio de campanhas publicitárias, diálogo institucional com o Governo Federal e Congresso Nacional, eventos nacionais e agora também ações de apoio à Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social.

      Os CAU/UF destinam 2% de seus orçamentos para apoiar projetos de Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social em todo o Brasil. Como esse financiamento, arquitetos e urbanistas têm resgatado um direito fundamental do cidadão. Assim como saúde e educação, trata-se da qualidade de vida da população, garantida pela Lei 11.888/2008. Saiba mais em https://caubr.gov.br/athis

      Informamos ainda que o CAU/BR possui uma intensa atuação junto ao Congresso Nacional, com acompanhamento diário dos projetos de lei em tramitação e diálogo permanente com deputados e senadores. Todos os anos, o CAU/BR realiza um Seminário Legislativo de Arquitetura e Urbanismo em Brasília, com a participação de arquitetos e parlamentares. Veja em http://www.caubr.gov.br/seminariolegislativo

      Além disso, o CAU/BR tem promovido diversas campanhas nacionais e de grande alcance pela valorização profissional. O programa Arquitetura para a Vida, produzido pelo CAU/BR, está sendo transmitido três vezes por semana, em rede nacional nas rádios CBN e BandNews. Veja em https://caubr.gov.br/vida/

      Em dezembro, a campanha do Dia do Arquiteto foi vista por mais de 100 milhões de pessoas. A campanha do Dia do Arquiteto é realizada todos os anos desde 2013, sempre em TV aberta, rádio, jornais, internet e mobiliário urbano. Saiba mais em https://bit.ly/2SlgW3F

      Essas ações de valorização da profissão tem ajudado o crescimento do mercado de Arquitetura e Urbanismo do Brasil. Em 2018, os profissionais registrados no CAU realizaram 5,4% mais atividades que no ano anterior. Os estados que mais contribuíram para o crescimento do mercado foram São Paulo – 9% mais atividades – e Santa Catarina – 7% mais atividades.

      Destaque-se o crescimento cada vez maior das atividades ligadas à Execução de Obras: houve um crescimento de 6,3% em 2018 – o que representa 30.000 execuções de obras a mais que no ano anterior. Em 2017, esse tipo de atividade também cresceu mais que 6% – o dobro da média nacional naquele ano.

      Confira essas e muitas outras informações no Anuário de Arquitetura e Urbanismo 2019.

      https://caubr.gov.br/anuario2019/

      Os CAU/UF realizam ainda ações de fiscalização, de apoio às prefeituras e orientação dos profissionais recém-formados. Existem ainda uma série de benefícios, como planos de saúde, desconto em softwares BIM e financiamento de projetos. Você pode conferir todos em https://caubr.gov.br/indice-beneficios/

      Lembramos que o CAU é de todos os arquitetos e urbanistas. Caso tenha alguma dúvida, por favor entre em contato com a nossa Central de Atendimento:

      Chat: https://caubr.gov.br/atendimento
      Telefones: 0800-883-0113 e 4007-2613

  6. Podia concentrar esforços no IGeO e demais ferramentas. CAU está retrocedendo e cometendo erros q eram cometidos no conselho anterior. Vergonha de muita coisa q nasceu boa e tá se acabando com tão pouco tempo.!!!

  7. O CAU é sem comentário, prefiro o CREA. quero voltar p o CREA, o CAU não dá assistência, benefícios, opções de lazer, saúde, convênio com mais órgãos… e assim vai, se eu começar escrever tudo que falta no CAU vai paginas…bom final de semana a todos.

  8. Eu tenho visto sempre por aqui o quanto os nossos colegas estão super satisfeitos com essa “mudança” que ocorreu de CREA para CAU. Pelo visto só mudou de mãos antes eram Engenheiros e agora são Arquitetos. Esses dias li um dos maiores absurdos, onde o CAU/SP comprou um prédio por 39 MILHÕES, ou seja, é para isso que serve a anuidade do arquiteto?
    Enquanto outros conselhos tem um plano de saúde que atende aos seus filiados, nós não temos nada! Há vários arquitetos desempregados, doentes, sem plano de saúde e outros tantos que se sujeitam trabalhar sem carteira assinada, mas isso não é louvável para o CAU, na verdade, estamos como sempre estivemos, cada um por si, infelizmente estamos num país que não é sério e é por isso que somos tratados assim, sem respeito algum! Ainda, o que falar da anuidade de valor altíssimo, onde não se vê melhoria alguma para a classe!

    1. Mauro, informamos que o CAU/BR promove diversas ações objetivando a valorização da Arquitetura e do Urbanismo no Brasil, por meio de campanhas publicitárias, diálogo institucional com o Governo Federal e Congresso Nacional, eventos nacionais e agora também ações de apoio à Assistência Técnica para Habitação de Interesse Social. O Código de Ética, a Tabela de Honorários, Resolução sobre Atribuições Privativas dos Arquitetos e Urbanistas e Resolução de Direitos Autorais também são ações que visam valorizar a profissão e estabelecer as regulações básicas da Arquitetura e Urbanismo.

      A campanha do Dia do Arquiteto, lançada em dezembro, foi vista por mais de 90 milhões de pessoas. É realizada anualmente em TV aberta, rádio, jornais, internet e mobiliário urbano. Saiba mais em https://bit.ly/37Lxk4W

      No ano passado, o CAU/BR produziu o programa de rádio Arquitetura para a Vida, transmitido três vezes por semana nas rádios CBN e Bandnews. Ouça em http://www.caubr.gov.br/vida.

      O CAU/BR também oferece aos arquitetos e urbanistas e aos possíveis clientes de todo o Brasil a plataforma ACHE UM ARQUITETO, com informações sobre profissionais atuantes em todo o Brasil. É possível encontrar profissionais e empresas por nome, município, estado ou número de registro. Confira em https://acheumarquiteto.caubr.gov.br/

      Informamos que divulgamos todas as semanas oportunidades de trabalho para arquitetos e urbanistas, como editais, concursos e licitações. Veja em https://bit.ly/2MvtenF

      Destacamos ainda que as ações de valorização da profissão tem ajudado o crescimento do mercado de Arquitetura e Urbanismo do Brasil. Em 2018, os profissionais registrados no CAU realizaram 5,4% mais atividades que no ano anterior.

      Destaque-se o crescimento cada vez maior das atividades ligadas à Execução de Obras: houve um crescimento de 6,3% em 2018 – o que representa 30.000 execuções de obras a mais que no ano anterior. Em 2017, esse tipo de atividade também cresceu mais que 6% – o dobro da média nacional naquele ano.

      Confira essas e muitas outras informações no Anuário de Arquitetura e Urbanismo 2019.

      https://caubr.gov.br/anuario2019/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

CAU/BR

CAU Brasil lança política de benefícios para aquisição de softwares e outros bens e serviços

CAU/BR

“Live” do CAU/SP esclarece dúvidas sobre contratos e legislação

CAU/BR

ARTIGO: Os edifícios de Brasilia refletem o nosso projeto de país

ARTIGOS

Artigo: Os Edifícios de Brasília refletem o nosso projeto de país

Skip to content