Habitat III

UIA: acordo para assegurar práticas sustentáveis na construção civil

No final de uma conferência internacional de alto nível sobre clima, sociedade e economia, realizada em Atenas, a União Internacional de Arquitetos (UIA) assinou um amplo acordo de cooperação com a Federação Internacional de Agrimensores (FIG) e o Conselho Europeu de Engenheiros Civis (ECCE).

 

Os três organismos profissionais internacionais buscarão programas que envolvam suas respectivas profissões com os objetivos da ONU-Habitat para administrar com rápida urbanização e assegurar práticas de desenvolvimento responsáveis.

 

“Esperamos que todos os membros da nossa indústria possam participar desse trabalho”, disse Thomas Vonier, presidente da UIA, com sede em Paris, que representa os 3,2 milhões de arquitetos do mundo. Falando na conferência em Atenas, Vonier convocou a indústria da construção civil a interromper as práticas de desenvolvimento destrutivo e dedicar mais recursos para atender às necessidades humanas globais nas cidades, especialmente em favelas e assentamentos informais.

 

Atual direção da UIA

 

“Cerca de um bilhão de pessoas em nosso planeta vivem em lugares que constroem para si mesmos, usando materiais que consomem, em terras que reivindicam tenuamente”, disse Vonier. “Ao mesmo tempo, estamos degradando e destruindo o habitat em um ritmo alarmante, com conseqüências terríveis que experimentamos todos os dias.”

 

O presidente da UIA convocou toda a indústria da construção para identificar projetos inovadores que melhorem vidas e protejam recursos ambientais. Ele pediu aos construtores, arquitetos paisagistas, fabricantes de produtos e outras disciplinas de engenharia que se unam para encontrar e promover novas soluções.

 

Arquiteto e urbanista Roberto Simon

 

A Conferência Interdisciplinar Internacional de Alto Nível sobre Economia, Sociedade e Mudança Climática foi organizada pela  Seção Grega da UIA. “Nada poderia ser mais oportuno, a mudança climática é uma realidade.  Todos nós devemos estar envolvidos em melhorar seu impacto sobre nosso pequeno planeta”, diz o arquiteto e urbanista brasileiro Roberto Simon, Vice-Presidente das Américas da UIA.

 

“Grécia, a terra dos filósofos, os Pitágoras de Samos, Platão e Aristóteles tornaram esse local perfeito para discutir o impacto das megatendências no Ambiente Construído, na Indústria da Construção e no Setor Imobiliário. Nesses dias tive o prazer de reencontrar velhos amigos através das reuniões da UIA,  das palestras, e, também de fazer novas amizades. Personalidades de cinco continentes e diferentes disciplinas que aqui chegaram para pensar e agir, fazendo frente aos enormes desafios do século XXI. Aos organizadores palmas pelo sucesso e alcance do evento. O palco não poderia ser melhor – Atenas”.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

UIA

Kuala Lumpur sediará o próximo Fórum Internacional UIA em novembro

UIA

Presidente da União Internacional de Arquitetos (UIA) envia mensagem para participantes da COP28

UIA

UIA divulga nota de solidariedade aos países afetados por desastres naturais

UIA

Dia Mundial da Arquitetura: Arquitetura para Comunidades Resilientes

Pular para o conteúdo