HOMENAGEM

Um vazio na arquitetura sem Wandenkolk Tinoco

 

 

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) informa com extremo pesar, o falecimento hoje (04.08.2021), do professor, arquiteto e urbanista Wandenkolk Tinoco (1936-2021), grande mestre que inspirou e ainda influenciará diversas gerações de profissionais em arquitetura e urbanismo.

 

Graduado pela Faculdade de Belas-Artes do Recife, em 1958, incorporou o modernismo aos seus projetos, sempre com um olhar regional, agregando elementos da cultura nordestina aos seus trabalhos, já antevendo o que seria a arquitetura bioclimática.

 

Para ele, “a natureza deve ser prioridade para empreender qualquer tipo de arquitetura, que deve ser encarada como extensão dela. Assim era no passado quando os seres humanos habitavam as cavernas. Macular este princípio é ferir a própria natureza”.

 

Por esse olhar ímpar, recebeu diversos prêmios e é reconhecido por projetos como os edifícios-jardins, suas Villas, nos quais une valores da casa ao apartamento. O primeiro, em 1974, o Villa Bella (SP), em parceria com o então sócio Ênio Eskinazi; depois o Villa Mariana (Recife), o Villa da Praia (SP) e o Villa Cristina (SP), em parceira com Antônio Callou da Cruz.

 

São mais de 40 prédios com a marca ímpar de um profissional que fez da arquitetura sua vida.  À esposa, a arquiteta e urbanista Lyjane, filhos, netos e bisnetos, neste momento de profunda tristeza e dor, nossos sentimentos.

 

Ao inesquecível Wandenkolk Tinoco, em nome de todos os profissionais pernambucanos, externamos agradecimentos por seu legado e dedicação à valorização da arquitetura e urbanismo.

 

Fonte: CAU/PE

MAIS SOBRE: HOMENAGEM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

HOMENAGEM

Sede da Suframa, projeto de Severiano Porto, completa 50 anos nesta quarta-feira

HOMENAGEM

Falece arquiteto e urbanista argentino-brasileiro Ricardo Monti

HOMENAGEM

Falece José Celso Martinez Corrêa, diretor de teatro e defensor do patrimônio brasileiro

HOMENAGEM

O histórico encontro de Pelé, “o Oscar do futebol”, com Niemeyer , “o Pelé da Arquitetura”, em 2010

Pular para o conteúdo